A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Maquina do Bem e do Mal Capa ilustrativa

A Máquina do Bem e do Mal

Rodolfo Walsh

Rodolfo Walsh (1927-1977) é um dos mais importantes nomes da literatura argentina, célebre pelo modo como articulou compromisso político e experimentação formal em sua obra. O presente volume, juntamente com Essa mulher e outros contos e Variações em vermelho, já lançados pela Editora 34, vem completar a publicação no Brasil dos contos completos do autor. Das primeiras narrativas publicadas no início dos anos 1950, sob a influência de Jorge Luis Borges, até o conto-título ´A máquina do bem e do mal´, um impagável quadro da marginália portenha, passando pelos casos policiais do delegado Laurenzi, o livro traça um amplo panorama da obra de Walsh, um escritor que, como afirma Ricardo Piglia no prefácio, foi ´capaz de escrever em todos os registros da língua´. Autor de obras de enorme peso político na história recente da Argentina, Rodolfo Walsh (1927-1977) começou sua carreira literária no início dos anos 1950, sob clara influência de Jorge Luis Borges. São desse período os contos que abrem o presente volume e dão prova do fôlego do então jovem escritor; entre eles há joias como ´Os caçadores de lontras´ e ´Contos para jogadores´. A segunda parte do livro reúne todos os casos do delegado Laurenzi, publicados entre 1956 e 1964. Narrados no célebre Café Rivadavia - onde o escritor ouviu a frase que detonou a investigação de seu livro Operação Massacre -, os relatos memorialísticos do delegado percorrem a geografia e a história do país, retomando a tradição do gênero policial argentino e ampliando seus limites. O panorama se completa com a ficção madura de Walsh- aqui se desenvolve sua veia humorística, que atinge o auge no conto-título ´A máquina do bem e do mal´, um impagável quadro da marginália portenha. Em 1964, o autor reescreve seu conto de estreia, ´As três noites de Isaías Bloom´; essa segunda versão, mais ágil, dá uma medida do percurso desse notável narrador e mostra a que ponto, como afirma Ricardo Piglia no prefácio, ´Walsh cultivava a álgebra da forma como um modo de assegurar a eficácia da ficção´. Fechar Ler mais

Rodolfo Walsh (1927-1977) é um dos mais importantes nomes da literatura argentina, célebre pelo modo como articulou compromisso político e experimentação formal em sua obra. O presente volume, juntamente com Essa mulher e outros contos e Variações em vermelho, já lançados pela Editora 34, vem completar a publicação no Brasil dos contos completos do autor. Das primeiras narrativas publicadas no início dos anos 1950, sob a influência de Jorge Luis Borges, até o conto-título ´A máquina do bem e do mal´, um impagável quadro da marginália portenha, passando pelos casos policiais do delegado Laurenzi, o livro traça um amplo panorama da obra de Walsh, um escritor que, como afirma Ricardo Piglia no prefácio, foi ´capaz de escrever em todos os registros da língua´. Autor de obras de enorme peso político na história recente da Argentina, Rodolfo Walsh (1927-1977) começou sua carreira literária no início dos anos 1950, sob clara influência de Jorge Luis Borges. São desse período os contos que abrem o presente volume e dão prova do fôlego do então jovem escritor; entre eles há joias como ´Os caçadores de lontras´ e ´Contos para jogadores´. A segunda parte do livro reúne todos os casos do delegado Laurenzi, publicados entre 1956 e 1964. Narrados no célebre Café Rivadavia - onde o escritor ouviu a frase que detonou a investigação de seu livro Operação Massacre -, os relatos memorialísticos do delegado percorrem a geografia e a história do país, retomando a tradição do gênero policial argentino e ampliando seus limites. O panorama se completa com a ficção madura de Walsh- aqui se desenvolve sua veia humorística, que atinge o auge no conto-título ´A máquina do bem e do mal´, um impagável quadro da marginália portenha. Em 1964, o autor reescreve seu conto de estreia, ´As três noites de Isaías Bloom´; essa segunda versão, mais ágil, dá uma medida do percurso desse notável narrador e mostra a que ponto, como afirma Ricardo Piglia no prefácio, ´Walsh cultivava a álgebra da forma como um modo de assegurar a eficácia da ficção´. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A máquina do bem e do mal

A máquina do bem e do mal

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
A máquina do bem e do mal

A máquina do bem e do mal

Ano:   Editora: 34trintaequarto

Tipo: novo

Sociedade dos Livros Sociedade dos Livros SP - São Paulo
99% Positivas
418 qualificações
R$ 44,00 + R$ 10,95 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo adquirido diretamente da editora

A máquina do bem e do mal

A máquina do bem e do mal

Ano:   Editora: 34trintaequarto

Tipo: novo

Sociedade dos Livros Sociedade dos Livros SP - São Paulo
99% Positivas
418 qualificações
R$ 44,00 + R$ 10,95 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo adquirido diretamente da editora

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro