A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Demissao dos Intelectuais Capa ilustrativa

A Demissão dos Intelectuais

Alain Caillé

O que têm as ciências sociais a dizer-nos sobre a sociedade? Poderão elas ajudar-nos a compreender o mundo e a agir para o mudar? Se nos dermos ao trabalho de olhar mais atentamente a produção dos investigadores, para lá dos escassos grandes intelectuais que monopolizam a atenção dos media, a resposta a estas questões é um pouco embaraçosa. A verdade é que a maioria dos especialistas em ciências sociais parecem ter renunciado ao político. Atrás dos muros da sua disciplina ou da sua subdisciplina, já não sabem interrogar a época em que vivem, nem responder à exigência democrática que brota por todo o lado. As formas e as causas desta "demissão dos letrados" são, aqui, exploradas por Alain Caillé, de uma forma rigorosa neste ensaio estimulante. Um livro que é mais que uma crítica da investigação e das ideias contemporâneas. Propõe as bases de um programa de trabalho para as ciências sociais: sem nada ceder quanto às exigências de um saber preciso e rigoroso, elas têm de inventar novas formas de cidadania que sejam universalizáveis, e, simultaneamente, capazes de reconhecer as singularidades históricas e culturais onde os homens vão procurar as suas razões de viver e de esperança.ALAIN CAILLÉ é professor de Sociologia na Universidade de Caen. Director da revista MAUSS, é, também, autor de diversas obras. Fechar Ler mais

O que têm as ciências sociais a dizer-nos sobre a sociedade? Poderão elas ajudar-nos a compreender o mundo e a agir para o mudar? Se nos dermos ao trabalho de olhar mais atentamente a produção dos investigadores, para lá dos escassos grandes intelectuais que monopolizam a atenção dos media, a resposta a estas questões é um pouco embaraçosa. A verdade é que a maioria dos especialistas em ciências sociais parecem ter renunciado ao político. Atrás dos muros da sua disciplina ou da sua subdisciplina, já não sabem interrogar a época em que vivem, nem responder à exigência democrática que brota por todo o lado. As formas e as causas desta "demissão dos letrados" são, aqui, exploradas por Alain Caillé, de uma forma rigorosa neste ensaio estimulante. Um livro que é mais que uma crítica da investigação e das ideias contemporâneas. Propõe as bases de um programa de trabalho para as ciências sociais: sem nada ceder quanto às exigências de um saber preciso e rigoroso, elas têm de inventar novas formas de cidadania que sejam universalizáveis, e, simultaneamente, capazes de reconhecer as singularidades históricas e culturais onde os homens vão procurar as suas razões de viver e de esperança.ALAIN CAILLÉ é professor de Sociologia na Universidade de Caen. Director da revista MAUSS, é, também, autor de diversas obras. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A Demissão dos Intelectuais

3 livros novos em 2 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
A Demissão dos Intelectuais

A Demissão dos Intelectuais

Ano:   Editora: Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
273 qualificações
R$ 48,40 + frete R$ 10,53

Total: R$ 58,93

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo! X 306p. 23,4x15,5 Sinopse: O que têm as ciências sociais a dizer-nos sobre a sociedade? Poderão elas ajudar-nos a compreender o mundo e a agir para o mudar? Se nos dermos ao trabalho de olhar mais atentamente a produção dos investigadores, para lá dos escassos grandes intelectuais que monopolizam a atenção dos media, a resposta a estas questões é um pouco embaraçosa. A verdade é que a maioria dos especialistas em ciências sociais parecem ter renunciado ao político. Atrás dos muros da sua disciplina ou da sua subdisciplina, já não sabem interrogar a época em que vivem, nem responder à exigência democrática que brota por todo o lado. As formas e as causas desta demissão dos letrados são, aqui, exploradas por Alain Caillé, de uma forma rigorosa neste ensaio estimulante.

A Demissão dos Intelectuais

A Demissão dos Intelectuais

Ano:   Editora: Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
273 qualificações
R$ 48,40 + frete R$ 10,53

Total: R$ 58,93

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo! X 306p. 23,4x15,5 Sinopse: O que têm as ciências sociais a dizer-nos sobre a sociedade? Poderão elas ajudar-nos a compreender o mundo e a agir para o mudar? Se nos dermos ao trabalho de olhar mais atentamente a produção dos investigadores, para lá dos escassos grandes intelectuais que monopolizam a atenção dos media, a resposta a estas questões é um pouco embaraçosa. A verdade é que a maioria dos especialistas em ciências sociais parecem ter renunciado ao político. Atrás dos muros da sua disciplina ou da sua subdisciplina, já não sabem interrogar a época em que vivem, nem responder à exigência democrática que brota por todo o lado. As formas e as causas desta demissão dos letrados são, aqui, exploradas por Alain Caillé, de uma forma rigorosa neste ensaio estimulante.

A Demissão dos Intelectuais

A Demissão dos Intelectuais

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Klaxon Livros Klaxon Livros SP - São Paulo
98% Positivas
1438 qualificações
R$ 55,90 + frete R$ 10,53

Total: R$ 66,43

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. L2 - ISBN 9789728407193. Dimensão 16 X 24, 306 pág. Sinopse: O que têm as ciências sociais a dizer-nos sobre a sociedade? Poderão elas ajudar-nos a compreender o mundo e a agir para o mudar? Se nos dermos ao trabalho de olhar mais atentamente a produção dos investigadores, para lá dos escassos grandes intelectuais que monopolizam a atenção dos media, a resposta a estas questões é um pouco embaraçosa. A verdade é que a maioria dos especialistas em ciências sociais parecem ter renunciado ao político. Atrás dos muros da sua disciplina ou da sua subdisciplina, já não sabem interrogar a época em que vivem, nem responder à exigência democrática que brota por todo o lado. As formas e as causas desta demissão dos letrados são, aqui, exploradas por Alain Caillé, de uma forma rigorosa neste

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro