A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa

FLIP 2018 e outras edições

A Flip chega no seu 16º ano com um histórico de lançar novos autores e fortalecer nomes renomados da literatura. Para celebrar mais uma edição, preparamos com carinho uma lista com 64 escritores que passaram pelo festival e os 16 homenageados no evento.

FLIP 2018

Neste ano, a Flip tem a promessa de ser mais artística do que nos outros anos. Algumas palavras-chave que vão guiar a programação são: liberdade, vozes, monólogo e som. A autora homenageada desta edição é a poeta, dramaturga e cronista Hilda Hilst.

ver mais autores

FLIP 2017

Foi a primeira vez que a organização da Flip convidou mais mulheres do que homens na programação. De todos os autores, 30% eram negros. O escritor homenageado foi Lima Barreto, conhecido por seus romances, sátiras e contos.

ver mais autores

FLIP 2016

Esta foi a segunda vez que a Flip homenageou uma mulher. Considerada um dos principais nomes da literatura na década de 1970, a poeta Ana Cristina Cesar teve seu nome vinculado ao movimento da Poesia Marginal.

ver mais autores

FLIP 2015

Na edição deste ano, a Flip optou por promover mais "encontros", para que os escritores em destaque não precisassem dividir a cena com ninguém. O autor homenageado de 2015 foi o poeta e crítico literário Mário de Andrade.

ver mais autores

FLIP 2014

Pela primeira vez, a Flip homenageou um autor que já havia participado do evento: Millôr Fernandes. A programação de 2014 recebeu "o tom dado por Millôr", com muitas críticas à sociedade, principalmente ao poder.

ver mais autores

FLIP 2013

O evento foi marcado por diversos protestos contra a crise na política brasileira. Por causa das manifestações, algumas mesas extras precisaram ser criadas para discutir o assunto. O autor homenageado foi Graciliano Ramos.

ver mais autores

FLIP 2012

A 10ª edição da Flip relembrou a obra de um dos principais poetas brasileiros, Carlos Drummond de Andrade. Uma das novidades foi promover leituras do autor na abertura de cada mesa de debates. Os poemas foram lidos para a plateia, que também podia ouvi-los em inglês.

ver mais autores

FLIP 2011

Uma das principais marcas da Flip 2011 foi a pluralidade nos debates. O grande homenageado do evento foi Oswald de Andrade, considerado o escritor mais inovador do Modernismo e protagonista da Semana de 22.

ver mais autores

FLIP 2010

A Flip 2010 foi guiada por dois temas: o futuro do livro e o legado do sociólogo Gilberto Freyre. A escolha deste autor se deu a partir da crescente atuação do Brasil no cenário internacional, principalmente no período de Copa do Mundo e Olimpíada.

ver mais autores

FLIP 2009

O principal foco da Flip 2009 foi relembrar a importância das obras de Manuel Bandeira. O evento revalorizou a obra poética e mostrou as diversas face do escritor, que há tempos não ganhava espaço no mercado literário.

ver mais autores

FLIP 2008

Os temas das mesas foram bem variados, com temas de bossa nova a conflitos políticos, sexo a Shakespeare. Com homenagem a Machado de Assis, a Flip escolheu um tributo que cristaliza um símbolo da literatura.

ver mais autores

FLIP 2007

Um dos objetivos da edição de 2007 é redimensionar o papel do escritor na literatura brasileira. O autor homenageado foi o escritor e jornalista Nelson Rodrigues, um dos dramaturgos mais influentes do Brasil.

ver mais autores

FLIP 2006

Assim como nas edições anteriores, a Flip manteve o foco em mostrar a riqueza da literatura brasileira. O homenageado desta edição foi Jorge Amado, que produziu uma obra que ultrapassou os limites do regionalismo modernista.

ver mais autores

FLIP 2005

A obra de Clarice Lispector foi relembrada em diversos momentos da edição de 2005. Um dos destaques do evento, a abertura mesclou espetáculo multimídia, depoimentos, leituras e entrevistas inspiradas na escritora.

ver mais autores

FLIP 2004

Com homenagem a Guimarães Rosa, a Flip de 2004 enalteceu o sertão brasileiro e a literatura sem fronteiras. O autor criou retratos do sertão com conhecimento de causa, mas sem se prender a qualquer regionalismo.

ver mais autores

FLIP 2003

A ideia de criação da Flip surgiu da editora inglesa Liz Calder, que se inspirou em sua paixão por Paraty e pelo festival Hay-on-Wye, no País de Gales. Para a estreia do evento, nada como homenagear Vinicius de Moraes, um dos principais escritores brasileiros, que faria 90 anos em 2003.

ver mais autores