A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
O Tempo nos Verbos do Portugues Capa ilustrativa

O Tempo nos Verbos do Português

Maria Luiza Monteiro Sales Corôa

Uma nova perspectiva para o tratamento de um velho problema: o da interpretação semântica dos tempos verbais. Concentrando-se nos tempos do indicativo, a autora identifica a presença de três noções em interação na significação temporal: a própria noção de tempo, a noção de aspecto e a dicotomia "descrição estrutural" vs. "descrição comportamental". Desse modo, ela chega a uma caracterização semântica dos tempos do indicativo completamente diferente das que já foram até agora propostas. No âmbito dessa problemática, algumas questões importantes se colocam de modo especial para o português. A primeira concerne à oposição pontual versus durativo e está ligada à própria classificação paradigmática tradicional dos conceitos traduzidos pelos verbos. Uma segunda questão de relevância se liga à formalização da significação temporal traduzida nos verbos. Considerar o tempo como uma linha sobre a qual estão "localizados" os pontos indicadores de presente, passado e futuro, ou os momentos da fala, do evento ou do sistema de referência, nos leva a um tempo com existência própria, a alguma "coisa" que podemos medir fora dos eventos. Que características lógicas desse tempo são relevantes em uma análise de língua natural, mais especificamente, em uma análise do português? Fechar Ler mais

Uma nova perspectiva para o tratamento de um velho problema: o da interpretação semântica dos tempos verbais. Concentrando-se nos tempos do indicativo, a autora identifica a presença de três noções em interação na significação temporal: a própria noção de tempo, a noção de aspecto e a dicotomia "descrição estrutural" vs. "descrição comportamental". Desse modo, ela chega a uma caracterização semântica dos tempos do indicativo completamente diferente das que já foram até agora propostas. No âmbito dessa problemática, algumas questões importantes se colocam de modo especial para o português. A primeira concerne à oposição pontual versus durativo e está ligada à própria classificação paradigmática tradicional dos conceitos traduzidos pelos verbos. Uma segunda questão de relevância se liga à formalização da significação temporal traduzida nos verbos. Considerar o tempo como uma linha sobre a qual estão "localizados" os pontos indicadores de presente, passado e futuro, ou os momentos da fala, do evento ou do sistema de referência, nos leva a um tempo com existência própria, a alguma "coisa" que podemos medir fora dos eventos. Que características lógicas desse tempo são relevantes em uma análise de língua natural, mais especificamente, em uma análise do português? Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

O Tempo nos Verbos do Portugues

O Tempo nos Verbos do Portugues

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
O Tempo nos Verbos do Portugues

O Tempo nos Verbos do Portugues

Ano:   Editora: Parabola

Tipo: novo

Só Livros Só Livros SP - São Paulo
91% Positivas
491 qualificações
R$ 18,40 + R$ 6,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Uma nova perspectiva para o tratamento de um velho problema: o da interpretação semântica dos tempos verbais. Concentrando-se nos tempos do indicativo, a autora identifica a presença de três noções em interação na significação temporal: a própria noção de tempo, a noção de aspecto e a dicotomia "descrição estrutural" vs. "descrição comportamental". Desse modo, ela chega a uma caracterização semântica dos tempos do indicativo completamente diferente das que já foram até agora propostas. No âmbito dessa problemática, algumas questões importantes se colocam de modo especial para o português. A primeira concerne à oposição pontual versus durativo e está ligada à própria classificação paradigmática tradicional dos conceitos traduzidos pelos verbos. Uma segunda questão de relevância se liga à fo

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro