A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
O Dilema do Porco Espinho Como Encarar a Solidao Capa ilustrativa

O Dilema do Porco-espinho - Como Encarar a Solidão

Leandro Karnal

5 de 5 estrelas (1 avaliação)

O poeta Vinicius de Moraes cantava “que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? Este é um dos fios da meada que o historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais mais influentes do país, toma como mote neste livro. A partir de referências filosóficas ou religiosas, relacionadas a fatos históricos ou a romances, ele faz uma saborosa reflexão sobre a natureza de viver só – ainda que por pouco tempo. Ele apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser uma luz e que, em alguns casos, Deus revela-se aos solitários. Segundo o Gênesis, aliás, Deus teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda”. E o autor amplia o tema para discorrer como a tradição judaico-cristã em geral abordou a solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e também analisa a solidão no mundo virtual. Contempla tanto temas como os amigos imaginários das crianças até pensamentos de filósofos como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem se amplificado em sua maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida seu interlocutor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar de seus pensamentos. Fechar Ler mais

O poeta Vinicius de Moraes cantava “que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? Este é um dos fios da me ada que o historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais mais influentes do país, toma como mote neste livro. A partir de referências filosóficas ou religiosas, relacionadas a fatos históricos ou a romances, ele faz uma saborosa reflexão sobre a natureza de viver só – ainda que por pouco tempo. Ele apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser uma luz e que, em alguns casos, Deus revela-se aos solitários. Segundo o Gênesis, aliás, Deus teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda”. E o autor amplia o tema para discorrer como a tradição judaico-cristã em geral abordou a solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e também analisa a solidão no mundo virtual. Contempla tanto temas como os amigos imaginários das crianças até pensamentos de filósofos como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem se amplificado em sua maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida seu interlocutor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar de seus pensamentos. Fechar Ler mais

145 livros novos e 3 livros usados em 53 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
O Dilema do Porco Espinho: Como Encarar a Solidao

O Dilema do Porco Espinho: Como Encarar a Solidao

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Solario Livraria Solario Livraria RJ - Rio de Janeiro
98% Positivas
44 qualificações
R$ 33,90 + frete R$ 8,35

Total: R$ 42,25

Comprar ler descrição ocultar

Descrição LIVRO NOVO O poeta Vinicius de Moraes cantava ""que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e

Dilema Do Porco-Espinho, O - Como Encarar A Solidao Capa ilustrativa

Dilema Do Porco-Espinho, O - Como Encarar A Solidao

Ano:   Editora: Planeta do Brasil

Tipo: novo

Idioma: Português

Uai livros Uai livros MG - Belo Horizonte
99% Positivas
372 qualificações
R$ 33,21 + frete R$ 9,40

Total: R$ 42,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, sem manuseio O poeta Vinicius de Moraes cantava que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda. E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também. Ref 115561

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Bertrand do Brasil Grupo Re

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
97% Positivas
742 qualificações
R$ 31,36 + frete R$ 11,35

Total: R$ 42,71

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado in

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Bertrand do Brasil Grupo Re

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
97% Positivas
742 qualificações
R$ 31,36 + frete R$ 11,35

Total: R$ 42,71

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado in

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Bertrand do Brasil Grupo Re

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
97% Positivas
742 qualificações
R$ 31,36 + frete R$ 11,35

Total: R$ 42,71

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado in

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Bertrand do Brasil Grupo Re

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
97% Positivas
742 qualificações
R$ 31,36 + frete R$ 11,35

Total: R$ 42,71

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado in

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Bertrand do Brasil Grupo Re

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
97% Positivas
742 qualificações
R$ 31,36 + frete R$ 11,35

Total: R$ 42,71

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado in

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Estrela dos Livros Estrela dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
109 qualificações
R$ 34,32 + frete R$ 8,82

Total: R$ 43,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda. E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Estrela dos Livros Estrela dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
109 qualificações
R$ 34,32 + frete R$ 8,82

Total: R$ 43,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda. E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Estrela dos Livros Estrela dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
109 qualificações
R$ 34,32 + frete R$ 8,82

Total: R$ 43,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda. E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO ESPINHO, O - COMO ENCARAR A SOLIDA

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Estrela dos Livros Estrela dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
109 qualificações
R$ 34,32 + frete R$ 8,82

Total: R$ 43,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda. E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O Dilema do Porco Espinho

O Dilema do Porco Espinho

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Humberto Gandolpho Humberto Gandolpho SP - Mogi das Cruzes
100% Positivas
8 qualificações
R$ 35,90 + frete R$ 8,35

Total: R$ 44,25

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O Dilema do Porco-espinho

O Dilema do Porco-espinho

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Opção Cultural Livraria Opção Cultural GO - Goiânia
100% Positivas
170 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,35

Total: R$ 44,25

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo

DILEMA DO PORCO-ESPINHO, O Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO-ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
100% Positivas
180 qualificações
R$ 33,21 + frete R$ 11,35

Total: R$ 44,56

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, SKU: L99136339 ISBN:9788542214369 Sinopse: O Poeta Vinicius De Moraes Cantava que é Melhor Se Sofrer Junto, Que Viver Feliz Sozinho". Será? O Historiador Leandro Karnal, Um Dos Intelectuais Brasileiros Que, Através De Seus Livros, Palestras E Vídeos, Nos Ajuda A Pensar O Mundo Contemporâneo, Discute Uma Questão Presente Na Vida De Todos: A Solidão. A Partir De Referências De Filósofos E Da Própria Bíblia, De Fatos Históricos E De Romances, Ele Faz Uma Reflexão Sobre A Natureza De Viver Só - Por Pouco Ou Muito Tempo, Estando Ou Não Acompanhado. Apresenta Como A Solidão é Encarada No Cinema, Na Literatura, Na Música, Nas Artes. Mostra Que Ela Pode Ser Iluminadora E Como Deus Se Revela Aos Solitários. O Mesmo Deus Que, Segundo Gêneses, Teria Dito: "não é Bom Que O Homem Esteja Só; Farei Para Ele Alguém Que O Auxilie E Corresponda." E Expõe Como Se Desenvolveu A Tradição Judaico-cristã Da Solidão. Em O Dilema Do Porco-espinho, Karnal Viaja Pela Modernidade Líquida E Analisa A Solidão No Mundo Virtual E O Isolamento. Discute Dos Amigos Imaginários Criados Pelas Crianças Aos Pensamentos De Alguns Filósofos, Como Aristóteles, Que Dizia Que A Solidão Criava Deuses E Bestas. Como A Solidão é Um Tema Que Sempre O Acompanhou E, Segundo Revela O Próprio Karnal, Tem Crescido Na Maturidade, O Autor Escreve Este Livro Como Um Ensaio Pessoal. Ao Dividir Suas Meditações, O Autor Convida O Leitor, Durante O Ato Da Leitura, A Deixar A Solidão De Lado E Compartilhar Seus Pensamentos Também.

DILEMA DO PORCO-ESPINHO, O Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO-ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
100% Positivas
180 qualificações
R$ 33,21 + frete R$ 11,35

Total: R$ 44,56

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, SKU: L99136339 ISBN:9788542214369 Sinopse: O Poeta Vinicius De Moraes Cantava que é Melhor Se Sofrer Junto, Que Viver Feliz Sozinho". Será? O Historiador Leandro Karnal, Um Dos Intelectuais Brasileiros Que, Através De Seus Livros, Palestras E Vídeos, Nos Ajuda A Pensar O Mundo Contemporâneo, Discute Uma Questão Presente Na Vida De Todos: A Solidão. A Partir De Referências De Filósofos E Da Própria Bíblia, De Fatos Históricos E De Romances, Ele Faz Uma Reflexão Sobre A Natureza De Viver Só - Por Pouco Ou Muito Tempo, Estando Ou Não Acompanhado. Apresenta Como A Solidão é Encarada No Cinema, Na Literatura, Na Música, Nas Artes. Mostra Que Ela Pode Ser Iluminadora E Como Deus Se Revela Aos Solitários. O Mesmo Deus Que, Segundo Gêneses, Teria Dito: "não é Bom Que O Homem Esteja Só; Farei Para Ele Alguém Que O Auxilie E Corresponda." E Expõe Como Se Desenvolveu A Tradição Judaico-cristã Da Solidão. Em O Dilema Do Porco-espinho, Karnal Viaja Pela Modernidade Líquida E Analisa A Solidão No Mundo Virtual E O Isolamento. Discute Dos Amigos Imaginários Criados Pelas Crianças Aos Pensamentos De Alguns Filósofos, Como Aristóteles, Que Dizia Que A Solidão Criava Deuses E Bestas. Como A Solidão é Um Tema Que Sempre O Acompanhou E, Segundo Revela O Próprio Karnal, Tem Crescido Na Maturidade, O Autor Escreve Este Livro Como Um Ensaio Pessoal. Ao Dividir Suas Meditações, O Autor Convida O Leitor, Durante O Ato Da Leitura, A Deixar A Solidão De Lado E Compartilhar Seus Pensamentos Também.

DILEMA DO PORCO-ESPINHO, O Capa ilustrativa

DILEMA DO PORCO-ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
100% Positivas
180 qualificações
R$ 33,21 + frete R$ 11,35

Total: R$ 44,56

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, SKU: L99136339 ISBN:9788542214369 Sinopse: O Poeta Vinicius De Moraes Cantava que é Melhor Se Sofrer Junto, Que Viver Feliz Sozinho". Será? O Historiador Leandro Karnal, Um Dos Intelectuais Brasileiros Que, Através De Seus Livros, Palestras E Vídeos, Nos Ajuda A Pensar O Mundo Contemporâneo, Discute Uma Questão Presente Na Vida De Todos: A Solidão. A Partir De Referências De Filósofos E Da Própria Bíblia, De Fatos Históricos E De Romances, Ele Faz Uma Reflexão Sobre A Natureza De Viver Só - Por Pouco Ou Muito Tempo, Estando Ou Não Acompanhado. Apresenta Como A Solidão é Encarada No Cinema, Na Literatura, Na Música, Nas Artes. Mostra Que Ela Pode Ser Iluminadora E Como Deus Se Revela Aos Solitários. O Mesmo Deus Que, Segundo Gêneses, Teria Dito: "não é Bom Que O Homem Esteja Só; Farei Para Ele Alguém Que O Auxilie E Corresponda." E Expõe Como Se Desenvolveu A Tradição Judaico-cristã Da Solidão. Em O Dilema Do Porco-espinho, Karnal Viaja Pela Modernidade Líquida E Analisa A Solidão No Mundo Virtual E O Isolamento. Discute Dos Amigos Imaginários Criados Pelas Crianças Aos Pensamentos De Alguns Filósofos, Como Aristóteles, Que Dizia Que A Solidão Criava Deuses E Bestas. Como A Solidão é Um Tema Que Sempre O Acompanhou E, Segundo Revela O Próprio Karnal, Tem Crescido Na Maturidade, O Autor Escreve Este Livro Como Um Ensaio Pessoal. Ao Dividir Suas Meditações, O Autor Convida O Leitor, Durante O Ato Da Leitura, A Deixar A Solidão De Lado E Compartilhar Seus Pensamentos Também.

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

Ano:   Editora: Planeta do Brasil

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
364 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

Ano:   Editora: Planeta do Brasil

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
364 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

Ano:   Editora: Planeta do Brasil

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
364 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

Ano:   Editora: Planeta do Brasil

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
364 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

O DILEMA DO PORCO-ESPINHO

Ano:   Editora: Planeta do Brasil

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
364 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O Dilema do Porco Espinho

O Dilema do Porco Espinho

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Banca da Thais Banca da Thais SC - Taió
100% Positivas
15 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição novo no plastico

O Dilema do Porco-espinho: Como Encarar a Solidão

O Dilema do Porco-espinho: Como Encarar a Solidão

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Ouvidor Floresta Livraria Ouvidor Floresta MG - Belo Horizonte
100% Positivas
45 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, 192 páginas.

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Boa Viagem Distribuidora Boa Viagem Distribuidora MG - Belo Horizonte
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão.Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Boa Viagem Distribuidora Boa Viagem Distribuidora MG - Belo Horizonte
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão.Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Boa Viagem Distribuidora Boa Viagem Distribuidora MG - Belo Horizonte
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão.Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Boa Viagem Distribuidora Boa Viagem Distribuidora MG - Belo Horizonte
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão.Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

DILEMA DO PORCO- ESPINHO, O

Ano:   Editora: Planeta

Tipo: novo

Idioma: Português

Boa Viagem Distribuidora Boa Viagem Distribuidora MG - Belo Horizonte
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acompanhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão.Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos amigos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na maturidade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Planeta do Brasil Grupo P

Tipo: novo

Idioma: Português

Authentic Livros Authentic Livros SP - São Paulo
91% Positivas
11 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acom panhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só fa rei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos a migos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na matu ridade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

O dilema do porco-espinho: Como encarar a solidão

Ano:   Editora: Planeta do Brasil Grupo P

Tipo: novo

Idioma: Português

Authentic Livros Authentic Livros SP - São Paulo
91% Positivas
11 qualificações
R$ 36,90 + frete R$ 7,87

Total: R$ 44,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O poeta Vinicius de Moraes cantava "que é melhor se sofrer junto, que viver feliz sozinho”. Será? O historiador Leandro Karnal, um dos intelectuais brasileiros que, através de seus livros, palestras e vídeos, nos ajuda a pensar o mundo contemporâneo, discute uma questão presente na vida de todos: a solidão. A partir de referências de filósofos e da própria Bíblia, de fatos históricos e de romances, ele faz uma reflexão sobre a natureza de viver só - por pouco ou muito tempo, estando ou não acom panhado. Apresenta como a solidão é encarada no cinema, na literatura, na música, nas artes. Mostra que ela pode ser iluminadora e como Deus se revela aos solitários. O mesmo Deus que, segundo Gêneses, teria dito: “Não é bom que o homem esteja só fa rei para ele alguém que o auxilie e corresponda.” E expõe como se desenvolveu a tradição judaico-cristã da solidão. Em O dilema do porco-espinho, Karnal viaja pela modernidade líquida e analisa a solidão no mundo virtual e o isolamento. Discute dos a migos imaginários criados pelas crianças aos pensamentos de alguns filósofos, como Aristóteles, que dizia que a solidão criava deuses e bestas. Como a solidão é um tema que sempre o acompanhou e, segundo revela o próprio Karnal, tem crescido na matu ridade, o autor escreve este livro como um ensaio pessoal. Ao dividir suas meditações, o autor convida o leitor, durante o ato da leitura, a deixar a solidão de lado e compartilhar seus pensamentos também.

Avaliações do livro

5 de 5 estrelas (1 avaliação)

Faça sua avaliação

Avalie o livro

  • O dolema do porco espinho

    Por: Elisabeth Bernardo, em 10/12/2018 Eu recomendo este livro

    Excelente leitura.Nos faz questionar o que vem a ser a solidao.E durante o decorrer da leitura nos faz sentir muito acompanhados.Vale a leitura.

    Esta avaliação foi útil?