A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
O Livro de Jo uma Autobiografia Desautorizada Volume 2 Capa ilustrativa

O Livro de Jô: Uma Autobiografia Desautorizada - Volume 2

Jô Soares

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

O Livro de Jô - uma Autobiografia Desautorizada - Volume 2

53 livros novos e 1 livro usado em 15 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
O Livro de Jô - uma Autobiografia Desautorizada - Volume 2

O Livro de Jô - uma Autobiografia Desautorizada - Volume 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Sebo Só Ler Sebo Só Ler PR - Curitiba
99% Positivas
115 qualificações
R$ 44,00 + frete R$ 12,61

Total: R$ 56,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em excelente estado. Livro bem conservado.

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Kangoroo Web Kangoroo Web SP - São Paulo
95% Positivas
237 qualificações
R$ 54,31 + frete R$ 12,19

Total: R$ 66,50

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, nunca manuseado, direto da editora!!! Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras - gordas - como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Astro dos Livros Astro dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
39 qualificações
R$ 56,62 + frete R$ 13,03

Total: R$ 69,65

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras - gordas - como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Sociedade dos Livros Sociedade dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
120 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 12,19

Total: R$ 71,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo. Adquirido da editora. Cat: Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras - gordas - como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Sociedade dos Livros Sociedade dos Livros SP - São Paulo
100% Positivas
120 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 12,19

Total: R$ 71,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo. Adquirido da editora. Cat: Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras - gordas - como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

A Livraria A Livraria SP - São Paulo
99% Positivas
1425 qualificações
R$ 59,50 + frete R$ 13,03

Total: R$ 72,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Dimensão 16 x 23 cm, 384 pág. Sinopse: Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 14 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueir

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

A Livraria A Livraria SP - São Paulo
99% Positivas
1425 qualificações
R$ 59,50 + frete R$ 13,03

Total: R$ 72,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Dimensão 16 x 23 cm, 384 pág. Sinopse: Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 14 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueir

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

A Livraria A Livraria SP - São Paulo
99% Positivas
1425 qualificações
R$ 59,50 + frete R$ 13,03

Total: R$ 72,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Dimensão 16 x 23 cm, 384 pág. Sinopse: Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 14 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueir

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

A Livraria A Livraria SP - São Paulo
99% Positivas
1425 qualificações
R$ 59,50 + frete R$ 13,03

Total: R$ 72,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Dimensão 16 x 23 cm, 384 pág. Sinopse: Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 14 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueir

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro De Jô : Uma Autobiografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

A Livraria A Livraria SP - São Paulo
99% Positivas
1425 qualificações
R$ 59,50 + frete R$ 13,03

Total: R$ 72,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Dimensão 16 x 23 cm, 384 pág. Sinopse: Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas - que durou 28 anos - fez cerca de 14 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueir

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
96% Positivas
715 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 14,92

Total: R$ 74,34

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado c

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
96% Positivas
715 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 14,92

Total: R$ 74,34

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado c

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
96% Positivas
715 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 14,92

Total: R$ 74,34

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado c

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
96% Positivas
715 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 14,92

Total: R$ 74,34

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado c

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Não Informado

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
96% Positivas
715 qualificações
R$ 59,42 + frete R$ 14,92

Total: R$ 74,34

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado c

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Wtr Livros Wtr Livros SP - Guarulhos
96% Positivas
1655 qualificações
R$ 55,92 + frete R$ 19,29

Total: R$ 75,21

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jo Soares lanca o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Familia Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humoristicos na TV brasileira, Faca humor nao faca guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jo: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde entao, ate chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jo Soares representou mais de duzentos personagens humoristicos e criou dezenas de bordoes que entraram para o repertorio da lingua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetaculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando tambem em Portugal. Dirigiu 24 pecas de teatro e fez dez pecas como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que ja venderam (excluindo este) 1,5 milhao de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em varios paises, entre eles Estados Unidos, Franca, Italia, Japao e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hostias ao lado de Dom Helder Camara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o periodo da presidencia do general Emilio Garrastazu Medici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saida para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, alem de sua admiracao profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciara novamente com as historias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jo Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Wtr Livros Wtr Livros SP - Guarulhos
96% Positivas
1655 qualificações
R$ 55,92 + frete R$ 19,29

Total: R$ 75,21

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jo Soares lanca o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Familia Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humoristicos na TV brasileira, Faca humor nao faca guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jo: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde entao, ate chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jo Soares representou mais de duzentos personagens humoristicos e criou dezenas de bordoes que entraram para o repertorio da lingua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetaculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando tambem em Portugal. Dirigiu 24 pecas de teatro e fez dez pecas como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que ja venderam (excluindo este) 1,5 milhao de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em varios paises, entre eles Estados Unidos, Franca, Italia, Japao e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hostias ao lado de Dom Helder Camara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o periodo da presidencia do general Emilio Garrastazu Medici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saida para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, alem de sua admiracao profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciara novamente com as historias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jo Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Wtr Livros Wtr Livros SP - Guarulhos
96% Positivas
1655 qualificações
R$ 55,92 + frete R$ 19,29

Total: R$ 75,21

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jo Soares lanca o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Familia Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humoristicos na TV brasileira, Faca humor nao faca guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jo: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde entao, ate chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jo Soares representou mais de duzentos personagens humoristicos e criou dezenas de bordoes que entraram para o repertorio da lingua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetaculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando tambem em Portugal. Dirigiu 24 pecas de teatro e fez dez pecas como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que ja venderam (excluindo este) 1,5 milhao de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em varios paises, entre eles Estados Unidos, Franca, Italia, Japao e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hostias ao lado de Dom Helder Camara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o periodo da presidencia do general Emilio Garrastazu Medici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saida para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, alem de sua admiracao profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciara novamente com as historias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jo Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Wtr Livros Wtr Livros SP - Guarulhos
96% Positivas
1655 qualificações
R$ 55,92 + frete R$ 19,29

Total: R$ 75,21

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jo Soares lanca o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Familia Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humoristicos na TV brasileira, Faca humor nao faca guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jo: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde entao, ate chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jo Soares representou mais de duzentos personagens humoristicos e criou dezenas de bordoes que entraram para o repertorio da lingua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetaculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando tambem em Portugal. Dirigiu 24 pecas de teatro e fez dez pecas como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que ja venderam (excluindo este) 1,5 milhao de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em varios paises, entre eles Estados Unidos, Franca, Italia, Japao e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hostias ao lado de Dom Helder Camara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o periodo da presidencia do general Emilio Garrastazu Medici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saida para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, alem de sua admiracao profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciara novamente com as historias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jo Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Wtr Livros Wtr Livros SP - Guarulhos
96% Positivas
1655 qualificações
R$ 55,92 + frete R$ 19,29

Total: R$ 75,21

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jo Soares lanca o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Familia Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humoristicos na TV brasileira, Faca humor nao faca guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jo: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde entao, ate chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jo Soares representou mais de duzentos personagens humoristicos e criou dezenas de bordoes que entraram para o repertorio da lingua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetaculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando tambem em Portugal. Dirigiu 24 pecas de teatro e fez dez pecas como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que ja venderam (excluindo este) 1,5 milhao de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em varios paises, entre eles Estados Unidos, Franca, Italia, Japao e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hostias ao lado de Dom Helder Camara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o periodo da presidencia do general Emilio Garrastazu Medici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saida para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, alem de sua admiracao profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciara novamente com as historias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jo Soares.

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros na Web Livros na Web MG - Belo Horizonte
99% Positivas
100 qualificações
R$ 66,41 + frete R$ 10,45

Total: R$ 76,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, Impresso

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

LIVRO DE JO, O - VOL. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros na Web Livros na Web MG - Belo Horizonte
99% Positivas
100 qualificações
R$ 66,41 + frete R$ 10,45

Total: R$ 76,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, Impresso

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros Online Livros Online SP - São Paulo
99% Positivas
285 qualificações
R$ 59,41 + frete R$ 19,29

Total: R$ 78,70

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas — que durou 28 anos — fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras — gordas — como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros Online Livros Online SP - São Paulo
99% Positivas
285 qualificações
R$ 59,41 + frete R$ 19,29

Total: R$ 78,70

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas — que durou 28 anos — fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras — gordas — como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros Online Livros Online SP - São Paulo
99% Positivas
285 qualificações
R$ 59,41 + frete R$ 19,29

Total: R$ 78,70

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas — que durou 28 anos — fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras — gordas — como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros Online Livros Online SP - São Paulo
99% Positivas
285 qualificações
R$ 59,41 + frete R$ 19,29

Total: R$ 78,70

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas — que durou 28 anos — fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras — gordas — como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

O Livro de Jô: uma Biografia Desautorizada - Vol. 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Livros Online Livros Online SP - São Paulo
99% Positivas
285 qualificações
R$ 59,41 + frete R$ 19,29

Total: R$ 78,70

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas — que durou 28 anos — fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras — gordas — como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares.

O Livro de Jo Volume 2

O Livro de Jo Volume 2

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

Eccos da Terra Eccos da Terra RS - Porto Alegre
100% Positivas
10 qualificações
R$ 69,90 + frete R$ 12,19

Total: R$ 82,09

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro NOVO de loja. Sinopse: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras — gordas — como Orson Welles e Winston Churchill.

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
99% Positivas
699 qualificações
R$ 69,90 + frete R$ 12,19

Total: R$ 82,09

Comprar ler descrição ocultar

Descrição

'Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares. '

Livro de Jô, O - Vol. 02

Livro de Jô, O - Vol. 02

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Idioma: Português

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
99% Positivas
699 qualificações
R$ 69,90 + frete R$ 12,19

Total: R$ 82,09

Comprar ler descrição ocultar

Descrição

'Em 1969, Jô Soares lança o seu primeiro one-man show, Todos amam um homem gordo, no teatro da Lagoa, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, depois do enorme sucesso na Família Trapo, estreia na Globo, no programa que revolucionou os humorísticos na TV brasileira, Faça humor não faça guerra. Na aguardada segunda parte do Livro de Jô: uma autobiografia desautorizada, ele conta tudo (ou quase tudo, ou mais que tudo) que aconteceu desde então, até chegar ao talk show que mudou o fim de noite dos brasileiros. Jô Soares representou mais de duzentos personagens humorísticos e criou dezenas de bordões que entraram para o repertório da língua portuguesa do Brasil. No seu programa de entrevistas que durou 28 anos fez cerca de 15 mil entrevistas. Fez oito espetáculos solos em longas temporadas, dois deles apresentando também em Portugal. Dirigiu 24 peças de teatro e fez dez peças como ator. Escreveu oito livros (incluindo este) que já venderam (excluindo este) 1,5 milhão de exemplares no mercado brasileiro, tendo sido traduzidos em vários países, entre eles Estados Unidos, França, Itália, Japão e Argentina. No volume 2 desta autobiografia desautorizada, revela como chegou a distribuir hóstias ao lado de Dom Hélder Câmara, sua vida de motoqueiro encerrada com dois acidentes, o processo que sofreu durante o período da presidência do general Emílio Garrastazu Médici (e como foi absolvido com um testemunho do poeta Carlos Drummond de Andrade), a saída para o SBT no auge do sucesso na Globo, os casamentos, a perda do filho Rafael, além de sua admiração profunda por figuras gordas como Orson Welles e Winston Churchill. Mas, mais do que tudo, o leitor se deliciará novamente com as histórias dele e dos outros, contadas com o melhor da verve de Jô Soares. '

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro