A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Da Morte Odes Minimas Capa ilustrativa

Livro Da Morte. Odes Mínimas

Hilda Hilst

Nos cinqüenta poemas que compõem 'Da morte - Odes mínimas', Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)".    

Nos cinqüenta poemas que compõem 'Da morte - Odes mínimas', Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatame nte sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)". Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

DA MORTE. ODES MINIMAS

Refinar resultado

7 livros novos e 6 livros usados em 8 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
DA MORTE. ODES MINIMAS

DA MORTE. ODES MINIMAS

Ano:   Editora: Biblioteca Azul

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Peruíbe Livraria Peruíbe SP - São Paulo
94% Positivas
69 qualificações
R$ 99,90 + frete R$ 14,87

Total: R$ 114,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O pensador Ernest Becker já dizia que o medo da morte é a verdadeira fonte da fragilidade do homem. No caso de Hilda Hilst, a escritora desestrutura esse conceito ao apresentar a morte não como uma figura inacessível e superior, representativa dos limites e da aniquilação do ser humano, mas antes como um acontecimento bem-vindo, que é acolhido justamente por ser inevitável.Nos cinqüenta poemas que compõem Da morte. Odes mínimas, Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)".A autora dá diversos nomes à morte, conversa com ela e a trata de "igual para igual", a ponto de transformá-la em um ser com vida própria. Longe da imagem aterrorizante, ela é tratada como companheira que espreita a vida, à espera da sua hora.

DA MORTE. ODES MINIMAS

DA MORTE. ODES MINIMAS

Ano:   Editora: Biblioteca Azul

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Peruíbe Livraria Peruíbe SP - São Paulo
94% Positivas
69 qualificações
R$ 99,90 + frete R$ 14,87

Total: R$ 114,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O pensador Ernest Becker já dizia que o medo da morte é a verdadeira fonte da fragilidade do homem. No caso de Hilda Hilst, a escritora desestrutura esse conceito ao apresentar a morte não como uma figura inacessível e superior, representativa dos limites e da aniquilação do ser humano, mas antes como um acontecimento bem-vindo, que é acolhido justamente por ser inevitável.Nos cinqüenta poemas que compõem Da morte. Odes mínimas, Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)".A autora dá diversos nomes à morte, conversa com ela e a trata de "igual para igual", a ponto de transformá-la em um ser com vida própria. Longe da imagem aterrorizante, ela é tratada como companheira que espreita a vida, à espera da sua hora.

DA MORTE. ODES MINIMAS

DA MORTE. ODES MINIMAS

Ano:   Editora: Biblioteca Azul

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Peruíbe Livraria Peruíbe SP - São Paulo
94% Positivas
69 qualificações
R$ 99,90 + frete R$ 14,87

Total: R$ 114,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O pensador Ernest Becker já dizia que o medo da morte é a verdadeira fonte da fragilidade do homem. No caso de Hilda Hilst, a escritora desestrutura esse conceito ao apresentar a morte não como uma figura inacessível e superior, representativa dos limites e da aniquilação do ser humano, mas antes como um acontecimento bem-vindo, que é acolhido justamente por ser inevitável.Nos cinqüenta poemas que compõem Da morte. Odes mínimas, Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)".A autora dá diversos nomes à morte, conversa com ela e a trata de "igual para igual", a ponto de transformá-la em um ser com vida própria. Longe da imagem aterrorizante, ela é tratada como companheira que espreita a vida, à espera da sua hora.

DA MORTE. ODES MINIMAS

DA MORTE. ODES MINIMAS

Ano:   Editora: Biblioteca Azul

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Peruíbe Livraria Peruíbe SP - São Paulo
94% Positivas
69 qualificações
R$ 99,90 + frete R$ 14,87

Total: R$ 114,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O pensador Ernest Becker já dizia que o medo da morte é a verdadeira fonte da fragilidade do homem. No caso de Hilda Hilst, a escritora desestrutura esse conceito ao apresentar a morte não como uma figura inacessível e superior, representativa dos limites e da aniquilação do ser humano, mas antes como um acontecimento bem-vindo, que é acolhido justamente por ser inevitável.Nos cinqüenta poemas que compõem Da morte. Odes mínimas, Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)".A autora dá diversos nomes à morte, conversa com ela e a trata de "igual para igual", a ponto de transformá-la em um ser com vida própria. Longe da imagem aterrorizante, ela é tratada como companheira que espreita a vida, à espera da sua hora.

DA MORTE. ODES MINIMAS

DA MORTE. ODES MINIMAS

Ano:   Editora: Biblioteca Azul

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria Peruíbe Livraria Peruíbe SP - São Paulo
94% Positivas
69 qualificações
R$ 99,90 + frete R$ 14,87

Total: R$ 114,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição O pensador Ernest Becker já dizia que o medo da morte é a verdadeira fonte da fragilidade do homem. No caso de Hilda Hilst, a escritora desestrutura esse conceito ao apresentar a morte não como uma figura inacessível e superior, representativa dos limites e da aniquilação do ser humano, mas antes como um acontecimento bem-vindo, que é acolhido justamente por ser inevitável.Nos cinqüenta poemas que compõem Da morte. Odes mínimas, Hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros "diálogos" íntimos com a própria morte - que gera, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa. Como afirma em sua nota o organizador das obras reunidas de Hilda Hilst, Alcir Pécora, não se trata da morte em geral "(...) ou a morte como alegoria filosófica, mas aquela própria, pessoal, seja na imaginação de sua hora fatídica e única, seja enquanto manifestação (...)".A autora dá diversos nomes à morte, conversa com ela e a trata de "igual para igual", a ponto de transformá-la em um ser com vida própria. Longe da imagem aterrorizante, ela é tratada como companheira que espreita a vida, à espera da sua hora.

Da Morte Odes Minimas

Da Morte Odes Minimas

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Espaço do Livro Espaço do Livro SP - São Paulo
93% Positivas
54 qualificações
R$ 100,00 + frete R$ 8,24

Total: R$ 108,24

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro esgotado e otimo estado

Da Morte. Odes Mínimas Capa ilustrativa

Da Morte. Odes Mínimas

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Livraria Sebo Ponta de Lança Livraria Sebo Ponta de Lança SP - São Paulo
100% Positivas
76 qualificações
R$ 117,88 Frete grátis
Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro usado em bom estado, sinais de uso nas bordas da capa, sem amarelamentos ou grifos. G* C6 O pensador Ernest Becker já dizia que o medo da morte é a verdadeira fonte da fragilidade do homem. No caso de Hilda Hilst, a escritora desestrutura esse conceito ao apresentar a morte não como uma figura inacessível e superior, representativa dos limites e da aniquilação do ser humano, mas antes como um acontecimento bem-vindo, que é acolhido justamente por ser inevitável.

Da Morte. Odes Mínimas

Da Morte. Odes Mínimas

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Idioma: Português

Central Livros2 Central Livros2 SP - São Paulo
100% Positivas
25 qualificações
R$ 135,00 + frete R$ 10,61

Total: R$ 145,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo; brochura; 13 x 21 cm; 106 págs... sinopse: nos cinquenta poemas que compõem da morte - odes mínimas, hilda evita o tom lacrimonioso e fúnebre que o tema imediatamente sugere, aproximando-se mais de verdadeiros diálogos íntimos com a própria morte - que pode gerar, ao mesmo tempo, fascínio e repulsa.

Da Morte, Odes Mínimas - 1ª Edição

Da Morte, Odes Mínimas - 1ª Edição

Ano:   Editora: Massao Ohno

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

O Buquineiro O Buquineiro SP - São Paulo
97% Positivas
61 qualificações
R$ 200,00 Frete grátis
Comprar ler descrição ocultar

Descrição 1ª edição. Ilustrações da autora. Livro em muito bom estado de conservação, apresentando apenas pequenos desgastes na capa.

Da Morte Odes Mínimas - 1ª Edição

Da Morte Odes Mínimas - 1ª Edição

Ano:   Editora: Massao Ohno

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Julian Livros Julian Livros SP - São Paulo
99% Positivas
571 qualificações
R$ 202,00 + frete R$ 10,61

Total: R$ 212,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Código: 1994230 Nota: A presente bom encontra-se em ótimo estado de conservação, tanto da capa, quanto do conteúdo. Apenas apresenta manchas amareladas causadas pelo tempo. Ano: 1980 Formato: 19 x 27 Editora: Massao Ohno Conservação da capa: Ótimo Estado Conservação do miolo: Ótimo Estado Acabamento: Brochura Idioma: Português Curiosidade: Com reproduções de 6 desenhos de Hilda Hilst, com capa de Augusto Rodrigues. Páginas não numeradas.

Da Morte, Odes Mínimas - 1ª Edição

Da Morte, Odes Mínimas - 1ª Edição

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Invisível Sebo Invisível SP - São Paulo
100% Positivas
14 qualificações
R$ 239,00 + frete R$ 10,61

Total: R$ 249,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Da Morte, Odes Mínimas - 1ª Edição Autor: Hilda Hilst Editora: Globo Assunto: Poesia Idioma: Português Encadernação: Brochura Formato: 13X21cm Ano: 2003 Páginas: 106 ISBN: 9788525036476 Livro NOVO 100% Garantido

Da Morte, Odes Mínimas

Da Morte, Odes Mínimas

Ano:   Editora: Massao Ohno

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Biblioviva Biblioviva SP - São Paulo
100% Positivas
59 qualificações
R$ 400,00 Frete grátis
Comprar ler descrição ocultar

Descrição AA2/ Exemplar em bom estado de conservação, grande formato, capa de Augusto Rodrigues, seis laminas encartadas, com desenhos a cores, feitas por Hilda Hilst, em 1977. Tiragem da edição de 2000 exemplares.

Da Morte, Odes Minimas - 1a Edição

Da Morte, Odes Minimas - 1a Edição

Ano:   Editora: Massao Ohno

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Biblioviva Biblioviva SP - São Paulo
100% Positivas
59 qualificações
R$ 400,00 Frete grátis
Comprar ler descrição ocultar

Descrição AA2/Exemplar em bom estado de conservação, grande formato, capa de Augusto Rodrigues, seis laminas encartadas, com desenhos a cores, feitas por Hilda Hilst, em 1977. Tiragem da edição de 2000 exemplares.

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro