A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

Livro A Desmedida do Capital

Danièle Linhart

Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? O livro da socióloga francesa Danièle Linhart, com o sugestivo título A desmedida do capital, enfrenta esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência: o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas “modernas”. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França (tão distinta, por exemplo, dos experimentos inglês e norte-americano), país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores. A partir de referências como o período do welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a “participação” nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas. Bandeiras que estampavam o sentido libertário nas lutas anteriores foram metamorfoseadas pelo capital, que lhes deu significação antípoda: a participação real virou participação superficial; a busca da individuação transfigurou-se em individualização empresarial; a subjetividade autêntica gerou seu simulacro na subjetividade inautêntica. O discurso da “prevalência do cliente” passou a encobrir a concorrência exacerbada pela mundialização dos capitais e volúpia pelos lucros.    

Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? O livro da socióloga francesa Danièle Linhart, com o sugestivo título A desmedida do capital, enfrenta esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência: o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas “modernas”. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França (tão distinta, por exemplo, dos experimentos inglês e norte-americano), país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores. A partir de referências como o período do welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a “participação” nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas. Bandeiras que estampavam o sentido libertário nas lutas anteriores foram metamorfoseadas pelo capital, que lhes deu significação antípoda: a participação real virou participação superficial; a busca da individuação transfigurou-se em individualização empresarial; a subjetividade autêntica gerou seu simulacro na subjetividade inautêntica. O discurso da “prevalência do cliente” passou a encobrir a concorrência exacerbada pela mundialização dos capitais e volúpia pelos lucros. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A Desmedida do Capital

Capa ilustrativa
Refinar resultado

17 livros novos e 3 livros usados em 10 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Sebo Dulcinéia Sebo Dulcinéia SP - São Paulo
R$ 18,00 + frete R$ 11,87

Total: R$ 29,87

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro usado em ótimo estado, sem amarelamento com diversos grifos à lápis, alguns sinais de uso nas bordas da capa, etiqueta de loja na folha de guarda. P085 - 201631096

Desmedida do Capital Capa ilustrativa

Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Livraria a  Relíquia Livraria a Relíquia SP - São Paulo
97% Positivas
64 qualificações
R$ 24,80 + frete R$ 11,87

Total: R$ 36,67

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Novo, perfeito estado de conservação.

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Pontes Livros Pontes Livros SP - Campinas
98% Positivas
112 qualificações
R$ 24,90 + frete R$ 11,87

Total: R$ 36,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em ótimo estado; possui pequena dedicatória na página de rosto. Leves sinais de manuseio (quase imperceptíveis).

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

BrenoBooks BrenoBooks RS - Novo Hamburgo
98% Positivas
171 qualificações
R$ 25,00 + frete R$ 10,61

Total: R$ 35,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Perfeito estado de conservação.

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

O Livro Disso O Livro Disso SP - Jundiaí
100% Positivas
228 qualificações
R$ 25,00 + frete R$ 11,24

Total: R$ 36,24

Comprar ler descrição ocultar

Descrição #S -Livro novo. 244 páginas. Sinopse: Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores.

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

O Livro Disso O Livro Disso SP - Jundiaí
100% Positivas
228 qualificações
R$ 25,00 + frete R$ 11,24

Total: R$ 36,24

Comprar ler descrição ocultar

Descrição #S -Livro novo. 244 páginas. Sinopse: Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores.

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

O Livro Disso O Livro Disso SP - Jundiaí
100% Positivas
228 qualificações
R$ 25,00 + frete R$ 11,24

Total: R$ 36,24

Comprar ler descrição ocultar

Descrição #S -Livro novo. 244 páginas. Sinopse: Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores.

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

O Livro Disso O Livro Disso SP - Jundiaí
100% Positivas
228 qualificações
R$ 25,00 + frete R$ 11,24

Total: R$ 36,24

Comprar ler descrição ocultar

Descrição #S -Livro novo. 244 páginas. Sinopse: Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores.

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

O Livro Disso O Livro Disso SP - Jundiaí
100% Positivas
228 qualificações
R$ 25,00 + frete R$ 11,24

Total: R$ 36,24

Comprar ler descrição ocultar

Descrição #S -Livro novo. 244 páginas. Sinopse: Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores.

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: seminovo/usado

Idioma: Português

Praia dos Livros Paraiso Praia dos Livros Paraiso SP - São Paulo
100% Positivas
36 qualificações
R$ 29,00 + frete R$ 12,92

Total: R$ 41,92

Comprar ler descrição ocultar

Descrição NOVO.Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas - 201611760

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Só Livros Só Livros SP - São Paulo
91% Positivas
433 qualificações
R$ 33,00 + frete R$ 10,61

Total: R$ 43,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Encerrado o século XX, marcado pela taylorização e pela fordização na indústria e nos serviços, qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual? Este livro aborda esta difícil questão e desconstrói algumas das engrenagens da dominação do capital em seu locus por excelência - o espaço produtivo. Revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas ditas modernas. A autora realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, país onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores. A partir de referências como o período do Welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabal

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Atitude Sebo Atitude SP - São Paulo
100% Positivas
27 qualificações
R$ 34,99 + frete R$ 13,87

Total: R$ 48,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição LIVRO NOVO 244 pgs brochura == A partir de referências como o período do Welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a participação nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas.

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Atitude Sebo Atitude SP - São Paulo
100% Positivas
27 qualificações
R$ 34,99 + frete R$ 13,87

Total: R$ 48,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição LIVRO NOVO 244 pgs brochura == A partir de referências como o período do Welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a participação nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas.

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Atitude Sebo Atitude SP - São Paulo
100% Positivas
27 qualificações
R$ 34,99 + frete R$ 13,87

Total: R$ 48,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição LIVRO NOVO 244 pgs brochura == A partir de referências como o período do Welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a participação nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas.

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Atitude Sebo Atitude SP - São Paulo
100% Positivas
27 qualificações
R$ 34,99 + frete R$ 13,87

Total: R$ 48,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição LIVRO NOVO 244 pgs brochura == A partir de referências como o período do Welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a participação nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas.

A Desmedida do Capital

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Atitude Sebo Atitude SP - São Paulo
100% Positivas
27 qualificações
R$ 34,99 + frete R$ 13,87

Total: R$ 48,86

Comprar ler descrição ocultar

Descrição LIVRO NOVO 244 pgs brochura == A partir de referências como o período do Welfare State, no imediato pós-guerra, e a explosão revolucionária do 1968 parisiense, Linhart oferece elementos para se compreender, hoje, a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a participação nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que são o dia-a-dia das empresas.

A Desmedida do Capital Capa ilustrativa

A Desmedida do Capital

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Sebo Isquisito Sebo Isquisito MG - Belo Horizonte
95% Positivas
22 qualificações
R$ 38,00 + frete R$ 10,61

Total: R$ 48,61

Comprar ler descrição ocultar

Descrição coleção o mundo do trabalho....244 pgs

Desmedida do Capital, A

Desmedida do Capital, A

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Mdx Livros Mdx Livros RJ - Rio de Janeiro
99% Positivas
96 qualificações
R$ 41,80 + frete R$ 10,61

Total: R$ 52,41

Comprar ler descrição ocultar

Descrição A desmedida do capital, de Danièle Linhart, é uma coletânea de textos escritos em diferentes períodos e tendo a França como referência, que procura esclarecer qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual. O livro desconstrói as engrenagens da dominação do capital em seu espaço produtivo e revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas de hoje. Danièle Linhart realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores. A partir de referências como o período do Welfare State no imediato pós-guerra, as revoltas de 1968 em Paris, a crise econômica no fim da década de 1970 e as novas estratégias de gerenciamento desenvolvidas a partir dos anos 1980, Linhart oferece elementos para se compreender a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a “participação” nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que constróem o dia-a-dia das empresas. A situação brasileira é bem diferente da francesa. As oportunidades de emprego, salários e níveis de formação escolar revelam realidades distintas, o que dificulta as comparações. No entanto, os trabalhos comparativos levam a pensar que exatamente as mesmas lógicas estão em ação, mesmo que não se expressem de maneira semelhante. Assim, Danièle Linhart nos traz subsídios para pensar as mudanças sociais no Brasil, pois o sentido social da modernização no trabalho aponta para a mesma direção tanto aqui como na França. Sobre a autoraDanièle Linhart é doutora em Sociologia e diretora de pesquisas do Laboratoire Travail, Genre et Mobilités do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS), da Universidade de Paris X – Nanterre (França), onde também leciona. É autora de diversas obras, dentre as quais se destacam Le travail nous est compté: la construction des normes temporelles du travail (2005) e La modernisation des entreprises (1994). Sobre a Coleção Mundo do TrabalhoCoordenação de Ricardo AntunesEstudos sobre o trabalho, a sua centralidade na sociedade capitalista, a análise do sindicalismo, questões de gênero e o impacto das transformações trazidas pela globalização são alguns dos temas desta coleção, que publica autores centrais para a discussão.

Desmedida do Capital, A

Desmedida do Capital, A

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Mdx Livros Mdx Livros RJ - Rio de Janeiro
99% Positivas
96 qualificações
R$ 41,80 + frete R$ 10,61

Total: R$ 52,41

Comprar ler descrição ocultar

Descrição A desmedida do capital, de Danièle Linhart, é uma coletânea de textos escritos em diferentes períodos e tendo a França como referência, que procura esclarecer qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual. O livro desconstrói as engrenagens da dominação do capital em seu espaço produtivo e revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas de hoje. Danièle Linhart realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores. A partir de referências como o período do Welfare State no imediato pós-guerra, as revoltas de 1968 em Paris, a crise econômica no fim da década de 1970 e as novas estratégias de gerenciamento desenvolvidas a partir dos anos 1980, Linhart oferece elementos para se compreender a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a “participação” nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que constróem o dia-a-dia das empresas. A situação brasileira é bem diferente da francesa. As oportunidades de emprego, salários e níveis de formação escolar revelam realidades distintas, o que dificulta as comparações. No entanto, os trabalhos comparativos levam a pensar que exatamente as mesmas lógicas estão em ação, mesmo que não se expressem de maneira semelhante. Assim, Danièle Linhart nos traz subsídios para pensar as mudanças sociais no Brasil, pois o sentido social da modernização no trabalho aponta para a mesma direção tanto aqui como na França. Sobre a autoraDanièle Linhart é doutora em Sociologia e diretora de pesquisas do Laboratoire Travail, Genre et Mobilités do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS), da Universidade de Paris X – Nanterre (França), onde também leciona. É autora de diversas obras, dentre as quais se destacam Le travail nous est compté: la construction des normes temporelles du travail (2005) e La modernisation des entreprises (1994). Sobre a Coleção Mundo do TrabalhoCoordenação de Ricardo AntunesEstudos sobre o trabalho, a sua centralidade na sociedade capitalista, a análise do sindicalismo, questões de gênero e o impacto das transformações trazidas pela globalização são alguns dos temas desta coleção, que publica autores centrais para a discussão.

Desmedida do Capital, A

Desmedida do Capital, A

Ano:   Editora: Boitempo

Tipo: novo

Idioma: Português

Mdx Livros Mdx Livros RJ - Rio de Janeiro
99% Positivas
96 qualificações
R$ 41,80 + frete R$ 10,61

Total: R$ 52,41

Comprar ler descrição ocultar

Descrição A desmedida do capital, de Danièle Linhart, é uma coletânea de textos escritos em diferentes períodos e tendo a França como referência, que procura esclarecer qual o processo produtivo que caracteriza o mundo atual. O livro desconstrói as engrenagens da dominação do capital em seu espaço produtivo e revela os elementos constitutivos da desmedida empresarial que pauta o trabalho nas empresas de hoje. Danièle Linhart realiza um estudo empírico e teórico da lógica produtiva na França, onde há uma tradição de resistência dos trabalhadores. A partir de referências como o período do Welfare State no imediato pós-guerra, as revoltas de 1968 em Paris, a crise econômica no fim da década de 1970 e as novas estratégias de gerenciamento desenvolvidas a partir dos anos 1980, Linhart oferece elementos para se compreender a armadilha da individualização introjetada pelo capital no trabalho, a “participação” nos limites da lógica empresarial, além de outros mecanismos de envolvimento que constróem o dia-a-dia das empresas. A situação brasileira é bem diferente da francesa. As oportunidades de emprego, salários e níveis de formação escolar revelam realidades distintas, o que dificulta as comparações. No entanto, os trabalhos comparativos levam a pensar que exatamente as mesmas lógicas estão em ação, mesmo que não se expressem de maneira semelhante. Assim, Danièle Linhart nos traz subsídios para pensar as mudanças sociais no Brasil, pois o sentido social da modernização no trabalho aponta para a mesma direção tanto aqui como na França. Sobre a autoraDanièle Linhart é doutora em Sociologia e diretora de pesquisas do Laboratoire Travail, Genre et Mobilités do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS), da Universidade de Paris X – Nanterre (França), onde também leciona. É autora de diversas obras, dentre as quais se destacam Le travail nous est compté: la construction des normes temporelles du travail (2005) e La modernisation des entreprises (1994). Sobre a Coleção Mundo do TrabalhoCoordenação de Ricardo AntunesEstudos sobre o trabalho, a sua centralidade na sociedade capitalista, a análise do sindicalismo, questões de gênero e o impacto das transformações trazidas pela globalização são alguns dos temas desta coleção, que publica autores centrais para a discussão.

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro