A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Elegias de Sexto Propercio Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio

Sexto Propércio

As elegias de Sexto Propércio são grande poesia, grandeza de que um Ezra Pound foi sabedor. Propércio foi contemporâneo de expoentes como Virgílio e Horácio – foi amigo deles e, como eles, privou da amizade de Mecenas, patrono das letras, que os punha em contato com o próprio imperador – e, ao lado de Tibulo e Ovídio, integra a tríade de poe-tas elegíacos da época de Augusto. Com tudo isso, a poesia de Sexto Propércio é menos conhecida no Brasil que a dos amigos e decerto menos conhecida que a de Ovídio, porque, entre outros motivos, faltava um trabalho como o de Guilherme Gontijo Flores, provavelmente o primeiro tradutor em verso de toda a poesia de Propércio em português, e também porque faltava uma publicação como a que o leitor agora tem em mãos, que lhe oferece já não alguns excertos ou certas escolhas, por excelentes e certos que sejam, porém a totalidade dos poemas, que mais de uma vez dialogam entre si, dispostos na mesma precisa ordem em que se dispunham nos quatro livros, tais como o poeta os designara. O livro de poesia, se para o leitor antigo já era objeto apreciado, para o poeta era, antes, o universo que ele constelava com poemas meticulosamente compostos e dispostos. Não obstante o rigor crítico que parece subjazer toda a recolha, de que o mesmo Pound é campeão, só a tradução integral pode revelar a poética dos poemas no livro e a poética dos livros entre si. As elegias de Sexto Propércio são, sim, grande poesia, e a tradução de Guilherme Gontijo Flores, porquanto aufere prestígio de ser primeira e integral, vale como linguagem em cada poema. Responde formalmente em português à forma dística em que as elegias são compostas, não impondo a todos os versos unidade métrica que não têm, mas regulando-os metricamente em pares de dodecassílabos e decassílabos; mantém o mesmo número de versos, que é a unidade mínima do poema, com o que se exime de secura e de enfatuamento, triste fim da concisão e da clareza quando viciosos. E principalmente, sem que o texto traduzido seja mera legenda de um latim que, visto ali ao lado, talvez já não se leia, o tradutor, todavia, não faz parecer que o texto tenha sido composto originariamente em português, como se Propércio, nascesse no Brasil!, assim fizesse. Cheia de si, como toda tradução deve arrogar-se, a de Guilherme Gontijo quer revelar-se crítica poética de estrangeira poesia; sem iludir-se, é diversão sobre alheios versos. No recreio a que se propõe, é criação, quando é também poesia. João Angelo Oliva Neto Fechar Ler mais

As elegias de Sexto Propércio são grande poesia, grandeza de que um Ezra Pound foi sabedor. Propércio foi contemporâneo de expoentes como Virgílio e Horácio – foi amigo deles e, como eles, privou da amizade de Mecenas, patrono das letras, que os punha em contato com o próprio imperador – e, ao lado de Tibulo e Ovídio, integra a tríade de poe-tas elegíacos da época de Augusto. Com tudo isso, a poesia de Sexto Propércio é menos conhecida no Brasil que a dos amigos e decerto menos conhecida que a de Ovídio, porque, entre outros motivos, faltava um trabalho como o de Guilherme Gontijo Flores, provavelmente o primeiro tradutor em verso de toda a poesia de Propércio em português, e também porque faltava uma publicação como a que o leitor agora tem em mãos, que lhe oferece já não alguns excertos ou certas escolhas, por excelentes e certos que sejam, porém a totalidade dos poemas, que mais de uma vez dialogam entre si, dispostos na mesma precisa ordem em que se dispunham nos quatro livros, tais como o poeta os designara. O livro de poesia, se para o leitor antigo já era objeto apreciado, para o poeta era, antes, o universo que ele constelava com poemas meticulosamente compostos e dispostos. Não obstante o rigor crítico que parece subjazer toda a recolha, de que o mesmo Pound é campeão, só a tradução integral pode revelar a poética dos poemas no livro e a poética dos livros entre si. As elegias de Sexto Propércio são, sim, grande poesia, e a tradução de Guilherme Gontijo Flores, porquanto aufere prestígio de ser primeira e integral, vale como linguagem em cada poema. Responde formalmente em português à forma dística em que as elegias são compostas, não impondo a todos os versos unidade métrica que não têm, mas regulando-os metricamente em pares de dodecassílabos e decassílabos; mantém o mesmo número de versos, que é a unidade mínima do poema, com o que se exime de secura e de enfatuamento, triste fim da concisão e da clareza quando viciosos. E principalmente, sem que o texto traduzido seja mera legenda de um latim que, visto ali ao lado, talvez já não se leia, o tradutor, todavia, não faz parecer que o texto tenha sido composto originariamente em português, como se Propércio, nascesse no Brasil!, assim fizesse. Cheia de si, como toda tradução deve arrogar-se, a de Guilherme Gontijo quer revelar-se crítica poética de estrangeira poesia; sem iludir-se, é diversão sobre alheios versos. No recreio a que se propõe, é criação, quando é também poesia. João Angelo Oliva Neto Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

Elegias de Sexto Propércio - Sexti Properti Elegi Sexto Propércio - Se

Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio - Sexti Properti Elegi Sexto Propércio - Se

Capa ilustrativa
Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
Elegias de Sexto Propércio - Sexti Properti Elegi Sexto Propércio - Se Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio - Sexti Properti Elegi Sexto Propércio - Se

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: seminovo/usado

Jose Luiz Livros Jose Luiz Livros RJ - Rio de Janeiro
89% Positivas
27 qualificações
R$ 35,00 + R$ 12,79 de frete Comprar ler descrição ocultar
Elegias de Sexto Propércio edição bilíngue Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio edição bilíngue

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: seminovo/usado

Sebo Icaria Sebo Icaria RS - Pelotas
100% Positivas
306 qualificações
R$ 40,00 + R$ 11,37 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Atenção, leia atentamente a descrição do livro antes de realizar a compra! Brochura, carimbo desta livraria e pequenos desgastes de uso. Leves amassamentos nas capas e lombada. BR

Elegias de Sexto Propércio

Elegias de Sexto Propércio

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: novo

Casa do Livro Virtual Casa do Livro Virtual MG - Belo Horizonte
98% Positivas
227 qualificações
R$ 55,00 + R$ 12,79 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo, direto da editora!!!!!! - 20168321

Elegias de Sexto Propércio. Col. Clássica Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio. Col. Clássica

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: novo

Livraria da Amelia Livraria da Amelia MG - Belo Horizonte
97% Positivas
347 qualificações
R$ 59,33 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo - ISBN: 9788582173954

Elegias de Sexto Propércio. Col. Clássica Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio. Col. Clássica

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: novo

Livraria Livro Vivo Livraria Livro Vivo SP - São Paulo
97% Positivas
1475 qualificações
R$ 59,33 + R$ 17,89 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo nunca manuseado ac

Elegias de Sexto Propércio. Col. Clássica Capa ilustrativa

Elegias de Sexto Propércio. Col. Clássica

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: novo

Livraria da Amelia Livraria da Amelia MG - Belo Horizonte
97% Positivas
347 qualificações
R$ 69,80 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo - ISBN: 9788582173954

Elegias de Sexto Propércio

Elegias de Sexto Propércio

Ano:   Editora: Autentica

Tipo: novo

Livraria Virtual Embooks Livraria Virtual Embooks SP - Embu
100% Positivas
27 qualificações
R$ 87,10 + R$ 13,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição *LIVRO NOVO* As "Elegias de Sexto Propércio" são grande poesia, grandeza de que um Ezra Pound foi sabedor. Propércio foi contemporâneo de expoentes como Virgílio e Horácio – foi amigo deles e, como eles, privou da amizade de Mecenas, patrono das letras, que os punha em contato com o próprio imperador – e, ao lado de Tibulo e Ovídio, integra a tríade de poetas elegíacos da época de Augusto. Com tudo isso, a poesia de Sexto Propércio é menos conhecida no Brasil que a dos amigos e decerto menos conhecida que a de Ovídio, porque, entre outros motivos, faltava um trabalho como o de Guilherme Gontijo Flores, provavelmente o primeiro tradutor em verso de toda a poesia de Propércio em português, e também porque faltava uma publicação como a que o leitor agora tem em mãos.

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro