20 milhões de livros vendidos na Estante Virtual desde 2005! Uma conquista sua e de todos os livreiros do Brasil

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Musica Popular do Gramofone ao Radio e Tv Capa ilustrativa

Musica Popular do Gramofone ao Radio e Tv

José Ramos Tinhorão

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

Música Popular - Do Gramofone ao Rádio e TV

Capa ilustrativa

28 livros novos e 8 livros usados em 15 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
Música Popular - Do Gramofone ao Rádio e TV Capa ilustrativa

Música Popular - Do Gramofone ao Rádio e TV

Ano:   Editora: Atica

Tipo: seminovo/usado

Livraria Amaral Livraria Amaral SP - São Paulo
99% Positivas
618 qualificações
R$ 33,00 + frete R$ 8,68

Total: R$ 41,68

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em bom estado de conservação, Capa de Brochura - 215 pags. Lombada e Capa com sinais de manuseio. Grifos à lápis, nome do ex-dono na contra-capa à lápis, manchas de oxidação nas laterais e em algumas páginas, não interfere a leitura. Não contém marca-texto.

Musica Popular do Gramofone ao Radio e Tv Capa ilustrativa

Musica Popular do Gramofone ao Radio e Tv

Ano:   Editora: Atica

Tipo: seminovo/usado

Sebo Lima Barreto Sebo Lima Barreto RJ - Rio de Janeiro
98% Positivas
830 qualificações
R$ 32,99 + frete R$ 9,21

Total: R$ 42,20

Comprar ler descrição ocultar

Descrição 12/01/2017. Livro em bom estado de conservação. Envelhecido pelo tempo. Mínimo rasgo na extremidade de uma das lombadas.

música popular do gramofone ao rádio e TV

música popular do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: 34

Tipo: seminovo/usado

Sebo Avalovara Sebo Avalovara SP - São Paulo
97% Positivas
323 qualificações
R$ 32,00 + frete R$ 10,63

Total: R$ 42,63

Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro em ótimo estado de conservação. Grifos a lápis.

Música Popular - do gramofone ao rádio e tv Capa ilustrativa

Música Popular - do gramofone ao rádio e tv

Ano:   Editora: Atica

Tipo: seminovo/usado

Super Sebo Super Sebo SP - São Paulo
94% Positivas
168 qualificações
R$ 34,00 + frete R$ 8,68

Total: R$ 42,68

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro com as laterais das páginas um pouco amareladas pela ação do tempo. Conteúdo sem anotações ou rasuras.

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Ano:   Editora: 34

Tipo: novo

Ludy Livros Ludy Livros RS - Porto Alegre
98% Positivas
140 qualificações
R$ 43,00 + frete R$ 8,10

Total: R$ 51,10

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo! Lacrado no plástico!

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Klaxon livros Klaxon livros SP - São Paulo
98% Positivas
1295 qualificações
R$ 42,40 + frete R$ 9,74

Total: R$ 52,14

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Ano:   Editora: 34

Tipo: novo

Miguilim Livros Miguilim Livros SP - Diadema
99% Positivas
252 qualificações
R$ 47,80 + frete R$ 8,68

Total: R$ 56,48

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. 272pp.

MUSICA POPULAR - DO GRAMOFONE AO RADIO E TV

MUSICA POPULAR - DO GRAMOFONE AO RADIO E TV

Ano:   Editora: 34

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
455 qualificações
R$ 45,05 + frete R$ 12,31

Total: R$ 57,36

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo! Nunca manuseado. SKU: L55671334 ISBN: 9788573265873 SINOPSE: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os festivais de MPB. Toda essa história, com o foco voltado ao aparecimento de cada fenômeno, é contada com grande riqueza de detalhes neste Música popular: do gramofone ao rádio e TV. Para isso, José Ramos Tinhorão se valeu de seu faro de pesquisador e recolheu em centenas de livros, discos e periódicos - e também em testemunhos de época - os registros inaugurais destas novas tecnologias, bem como seu impacto transformador na cultura e no comportamento social.

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Ano:   Editora: 34

Tipo: novo

Sebo do Bac Sebo do Bac SP - São Paulo
97% Positivas
109 qualificações
R$ 48,28 + frete R$ 9,21

Total: R$ 57,49

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ! Este livro aborda a Música Popular com foco no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira - A era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os festivais de MPB.

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Ano:   Editora: 34

Tipo: novo

Sebo do Bac Sebo do Bac SP - São Paulo
97% Positivas
109 qualificações
R$ 48,28 + frete R$ 9,21

Total: R$ 57,49

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ! Este livro aborda a Música Popular com foco no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira - A era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os festivais de MPB.

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Música Popular: do Gramofone ao Rádio e Tv

Ano:   Editora: 34

Tipo: novo

Livraria Palmarinca Livraria Palmarinca RS - Porto Alegre
100% Positivas
14 qualificações
R$ 48,00 + frete R$ 14,21

Total: R$ 62,21

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo. Nunca Manuseado.

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Música popular: do gramofone ao rádio e TV

Ano:   Editora: Editora 34

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
100% Positivas
337 qualificações
R$ 53,00 + frete R$ 9,74

Total: R$ 62,74

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. ISBN 9788573265873. Dimensão 14 X 21, 272 pág. Sinopse: No século XVI, Rabelais anteviu em seu Pantagruel a possibilidade de se captar e armazenar os sons em um suporte físico, mas isso só se tornou possível com a invenção do gramofone, no final do século XIX. O fonógrafo de Edison, patenteado em 1877, deu início à era industrial na história da música - e apenas dois anos após sua invenção, já havia demonstrações do aparelho no Brasil. Em 1922, no Rio de Janeiro, é instalada no Corcovado a primeira antena para transmissão de ondas radiofônicas, o que pouco depois daria origem a uma das fases mais prolíficas da música popular brasileira: a era do rádio. Na década de 1950, com o advento da televisão, aos sons se juntariam as imagens, e se popularizaram, entre outros eventos, os

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro