A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Lingua Exilada Capa ilustrativa

A Língua Exilada

Imre Kertész

"Uma escrita que sustenta a vivência frágil do indivíduo contra a arbitrariedade bárbara da história." Foi com essas palavras que a Academia Sueca apresentou a obra de Imre Kertész, ao anunciá-lo vencedor do Prêmio Nobel de Literatura de 2002. Entre as narrativas marcantes da segunda metade do século XX figuram os relatos e as reflexões dos sobreviventes dos campos de extermínio nazistas. Como Primo Levi e Paul Célan, Imre Kertész transforma a experiência da deportação em reflexão sobre os valores éticos e morais da nossa sociedade - assim, o testemunho da degradação humana pode enriquecer o conhecimento e criar as bases de uma nova cultura. A língua exilada é uma coleção de ensaios permeados pela idéia de que o Holocausto não é um acontecimento restrito aos nazistas e aos judeus: é uma experiência de cunho universal. Se o filósofo alemão Adorno dizia ser impossível escrever versos após Auschwitz, Kertész afirma que o campo de concentração é um marco zero e que, portanto, nada mais poderia ser escrito sem fazer menção a ele. Segundo o autor, em todas as produções artísticas pós-Segunda Guerra Mundial estão evidentes as marcas da aniquilação dos valores que sustentavam a civilização antes do Holocausto. Passada a euforia inicial da queda do Muro de Berlim, em 1989, renasceram os velhos nacionalismos e, com eles, a sombra do anti-semitismo. O acerto de contas de Kertész jamais poupa o totalitarismo stalinista. Em um estilo marcado pelo humor amargo da Europa Central, Kertész relembra também os intelectuais que escolheram o exílio à vida sob a opressão soviética. Fechar Ler mais

"Uma escrita que sustenta a vivência frágil do indivíduo contra a arbitrariedade bárbara da história." Foi com e ssas palavras que a Academia Sueca apresentou a obra de Imre Kertész, ao anunciá-lo vencedor do Prêmio Nobel de Literatura de 2002. Entre as narrativas marcantes da segunda metade do século XX figuram os relatos e as reflexões dos sobreviventes dos campos de extermínio nazistas. Como Primo Levi e Paul Célan, Imre Kertész transforma a experiência da deportação em reflexão sobre os valores éticos e morais da nossa sociedade - assim, o testemunho da degradação humana pode enriquecer o conhecimento e criar as bases de uma nova cultura. A língua exilada é uma coleção de ensaios permeados pela idéia de que o Holocausto não é um acontecimento restrito aos nazistas e aos judeus: é uma experiência de cunho universal. Se o filósofo alemão Adorno dizia ser impossível escrever versos após Auschwitz, Kertész afirma que o campo de concentração é um marco zero e que, portanto, nada mais poderia ser escrito sem fazer menção a ele. Segundo o autor, em todas as produções artísticas pós-Segunda Guerra Mundial estão evidentes as marcas da aniquilação dos valores que sustentavam a civilização antes do Holocausto. Passada a euforia inicial da queda do Muro de Berlim, em 1989, renasceram os velhos nacionalismos e, com eles, a sombra do anti-semitismo. O acerto de contas de Kertész jamais poupa o totalitarismo stalinista. Em um estilo marcado pelo humor amargo da Europa Central, Kertész relembra também os intelectuais que escolheram o exílio à vida sob a opressão soviética. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A Língua Exilada

Capa ilustrativa

6 livros usados em 6 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
A Língua Exilada Capa ilustrativa

A Língua Exilada

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Papiro Branco Papiro Branco PA - Belém
97% Positivas
58 qualificações
R$ 23,00 + frete R$ 9,63

Total: R$ 32,63

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Sem marcas, grifos ou anotações/ ótimo estado de conservação.

A Língua Exilada Capa ilustrativa

A Língua Exilada

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

O Desbravador Livros O Desbravador Livros RJ - Rio de Janeiro
100% Positivas
27 qualificações
R$ 28,00 + frete R$ 8,53

Total: R$ 36,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura; 208 páginas; sem rasgos; sem grifos; manchas quase imperceptíveis no verso das capas; manchas na face superior do corte das folhas; texto íntegro. Codf01

A Língua Exilada Capa ilustrativa

A Língua Exilada

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Leitura Viva Leitura Viva SP - São Paulo
100% Positivas
98 qualificações
R$ 28,00 + frete R$ 9,10

Total: R$ 37,10

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro com páginas íntegras e firmes, livres de rasuras ou grifados, sinais de manuseio e ação do tempo, nada que deprecie o livro ou impeça sua leitura.; Capa, contra capa e lombada com marcas de dobras - esc 9

A Língua Exilada

A Língua Exilada

Ano:   Editora: Companhia da Letras

Tipo: seminovo/usado

Letra Viva Letra Viva RJ - Rio de Janeiro
99% Positivas
180 qualificações
R$ 29,00 + frete R$ 8,53

Total: R$ 37,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro usado em estado regular, edição brochura contendo 208 páginas, manchas de oxidação, bordas amareladas devido ação do tempo.

A Língua Exilada - Ensaios Capa ilustrativa

A Língua Exilada - Ensaios

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Floresta de Livros Floresta de Livros MG - Belo Horizonte
100% Positivas
14 qualificações
R$ 32,24 + frete R$ 11,53

Total: R$ 43,77

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cod. 3061 / História Geral / Brochura / Brochura, seminovo, pequenina avaria na capa, miolo impecável, Formato: 21x14, tradução do húngaro de Paulo Schiller,

A Língua Exilada

A Língua Exilada

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Ana Lima Bookseller Ana Lima Bookseller SP - São Paulo
100% Positivas
7 qualificações
R$ 39,90 + frete R$ 9,63

Total: R$ 49,53

Comprar ler descrição ocultar

Descrição NOVO. Brochura com 216 páginas. Dimensões: 14cm X 21cm. ISBN-13: 9788535905908. A língua exilada é uma coleção de ensaios permeados pela idéia de que o Holocausto não é um acontecimento restrito aos nazistas e aos judeus - é uma experiência do homem ocidental, um acontecimento de cunho universal, término de um percurso determinado pela história cultural da Europa. Se o filósofo alemão Adorno dizia ser impossível escrever versos após Auschwitz, Kertész afirma que o campo de concentração é um marco zero e que, portanto, nada mais poderia ser escrito sem fazer menção a ele. Segundo o autor, as evidências da aniquilação dos valores que sustentavam uma civilização estão presentes em todas as produções artísticas nascidas das cinzas da Segunda Grande Guerra.

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro