A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Haim Nahman Bialik

A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. Ainda que tenha entrado para a história por causa de sua poesia, Bialik é também um exímio narrador. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de “caso” especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração. Como elo entre as histórias, o respeito pela religião e pelas tradições, muitas vezes repetidas em situações bastante delicadas. No conto que dá título ao livro, por exemplo, uma família aguarda o retorno do filho, que voltaria para uma visita durante o serviço militar. Como atrativo, o rapaz anuncia que iria trazer, na bagagem, um instrumento musical com que divertiria seus parentes e a família da noiva. Horas antes de sua chegada, porém, problemas de especulação imobiliária fazem com que seus pais e irmãos sejam despejados e se coloquem na estrada, sem ter exatamente para onde ir. Cheia de vergonha por causa da situação, a trombeta acaba não saindo das malas. Sem dúvida, muitos dos contos ilustram a situação do povo judeu, que antes da criação do Estado de Israel (Bialik morreu em 1934, portanto sem uma pátria definitiva) viveu inúmeros e traumáticos deslocamentos. No entanto, mesmo quando descreve situações de opressão e violência, Bialik impõe alguns momentos cheios de humor, normalmente a partir de jogos de linguagem, ironia e alguma irreverência na discussão dos costumes. Em outras situações, a linguagem de Bialik torna-se lírica, quase chegando a constituir passagens de prosa poética, caso do final do conto descrito acima. Cheio de humor, por sua vez, é o conto “Ariê, o brutamontes”, por exemplo, em que um velho gigantesco e pão-duro, cujo principal passatempo é arranjar “pacotes” de dinheiro, se envolve em diversas situações hilárias por causa de uma sovinice doentia até se ver no meio de uma verdadeira pancadaria entre famílias. Como pano de fundo, o conflito entre o progresso – que diversifica as possibilidades para quem deseja investir seu dinheiro – e uma mentalidade muito presa à tradição, caso da do brutamontes Ariê, que se recusava a deixar qualquer dinheiro em um banco e muito menos comprar uma carta de investimento. Junto com as seis histórias, o livro conta ainda com um prefácio de Berta Waldman, professora da língua e literatura hebraica da Universidade de São Paulo. Além de discutir a obra de Haim Nahman Bialik, Waldman faz um breve resumo da literatura hebraica antes da formação do Estado de Israel e esclarece os costumes tradicionais apresentados no livro. O autor: Haim Nahman Bialik nasceu em uma família pobre da Ucrânia em 1873. Educado em um ambiente religioso, muda-se para a Lituânia em 1870, atrás de um meio cultural mais agitado. Na cidade grande, integra-se a grupos de intelectuais e adquire notável cultura secular. Cosmopolita, Bialik voltaria à pequenina cidade apenas por ocasião da morte do avô que o criara. Parte considerável da vida de Bialik se desenvolve em Odessa, onde ele desempenha a atividade de professor e, ao mesmo tempo, de editor. Depois da Revolução Russa, temendo perder a liberdade, Bialik radica-se Berlim, onde continua a ter contato com intelectuais. Por fim, em 1924, já poeta reconhecido, muda-se para Tel Aviv, onde iria morrer em 1934, portanto no início da escalada nazista que traumatizaria o mundo. Poeta reconhecido internacionalmente, Bialik é um dos responsáveis pela modernização do idioma hebraico e por certa sistematização da cultura judaica. Como editor, publicou coletâneas de textos tradicionais e escritores desconhecidos. Como professor, tornou-se ícone de um ensino rigoroso, tanto é que diversos colégios espalhados pelo mundo foram batizados com seu nome. Fechar Ler mais

A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. Ainda que tenha entrado para a história por causa de sua poesia, Bialik é também um exímio narrador. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de “caso” especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração. Como elo entre as histórias, o respeito pela religião e pelas tradições, muitas vezes repetidas em situações bastante delicadas. No conto que dá título ao livro, por exemplo, uma família aguarda o retorno do filho, que voltaria para uma visita durante o serviço militar. Como atrativo, o rapaz anuncia que iria trazer, na bagagem, um instrumento musical com que divertiria seus parentes e a família da noiva. Horas antes de sua chegada, porém, problemas de especulação imobiliária fazem com que seus pais e irmãos sejam despejados e se coloquem na estrada, sem ter exatamente para onde ir. Cheia de vergonha por causa da situação, a trombeta acaba não saindo das malas. Sem dúvida, muitos dos contos ilustram a situação do povo judeu, que antes da criação do Estado de Israel (Bialik morreu em 1934, portanto sem uma pátria definitiva) viveu inúmeros e traumáticos deslocamentos. No entanto, mesmo quando descreve situações de opressão e violência, Bialik impõe alguns momentos cheios de humor, normalmente a partir de jogos de linguagem, ironia e alguma irreverência na discussão dos costumes. Em outras situações, a linguagem de Bialik torna-se lírica, quase chegando a constituir passagens de prosa poética, caso do final do conto descrito acima. Cheio de humor, por sua vez, é o conto “Ariê, o brutamontes”, por exemplo, em que um velho gigantesco e pão-duro, cujo principal passatempo é arranjar “pacotes” de dinheiro, se envolve em diversas situações hilárias por causa de uma sovinice doentia até se ver no meio de uma verdadeira pancadaria entre famílias. Como pano de fundo, o conflito entre o progresso – que diversifica as possibilidades para quem deseja investir seu dinheiro – e uma mentalidade muito presa à tradição, caso da do brutamontes Ariê, que se recusava a deixar qualquer dinheiro em um banco e muito menos comprar uma carta de investimento. Junto com as seis histórias, o livro conta ainda com um prefácio de Berta Waldman, professora da língua e literatura hebraica da Universidade de São Paulo. Além de discutir a obra de Haim Nahman Bialik, Waldman faz um breve resumo da literatura hebraica antes da formação do Estado de Israel e esclarece os costumes tradicionais apresentados no livro. O autor: Haim Nahman Bialik nasceu em uma família pobre da Ucrânia em 1873. Educado em um ambiente religioso, muda-se para a Lituânia em 1870, atrás de um meio cultural mais agitado. Na cidade grande, integra-se a grupos de intelectuais e adquire notável cultura secular. Cosmopolita, Bialik voltaria à pequenina cidade apenas por ocasião da morte do avô que o criara. Parte considerável da vida de Bialik se desenvolve em Odessa, onde ele desempenha a atividade de professor e, ao mesmo tempo, de editor. Depois da Revolução Russa, temendo perder a liberdade, Bialik radica-se Berlim, onde continua a ter contato com intelectuais. Por fim, em 1924, já poeta reconhecido, muda-se para Tel Aviv, onde iria morrer em 1934, portanto no início da escalada nazista que traumatizaria o mundo. Poeta reconhecido internacionalmente, Bialik é um dos responsáveis pela modernização do idioma hebraico e por certa sistematização da cultura judaica. Como editor, publicou coletâneas de textos tradicionais e escritores desconhecidos. Como professor, tornou-se ícone de um ensino rigoroso, tanto é que diversos colégios espalhados pelo mundo foram batizados com seu nome. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A Trombeta Envergonhada

Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Livraria Marechal Livraria Marechal SP - São Paulo
97% Positivas
156 qualificações
R$ 8,00 + R$ 10,58 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em bom estado de conservação, borda com leves marcas de poeira em função do longo tempo de exposição e manuseio inadequado do antigo dono, não compromete a leitura, contém 373 páginas. - 201610800

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Empório dos Livros Empório dos Livros SP - Bauru
99% Positivas
69 qualificações
R$ 8,80 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo plastificado na editora.

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Triunfo Livros Triunfo Livros SP - Ribeirão Preto
100% Positivas
50 qualificações
R$ 9,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição 373 páginas. Tradução: Eliana Langer e Nancy Rozenchan. Ótimo estado. Capa, lombadas e texto preservados. A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. Ainda que tenha entrado para a história por causa de sua poesia, Bialik é também um exímio narrador. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia...3

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Releitura Livros Releitura Livros RJ - Rio de Janeiro
100% Positivas
1265 qualificações
R$ 9,00 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro em bom estado de conservação; miolo perfeito---conteúdo preservado; texto completamente preservado, livre de grifos, riscos, sublinhados, anotações, etc.; capas íntegras e em bom estado, porém com leves sinais de armazenamento nas extremidades; folhas claras e limpas; laterais/corte apresenta sinais de armazenamento com leves sujidades; brochura; 14x21cm; 373 págs; isbn: 9788525042248; livro em português; cód.sep: 65446 / cód.int: 63091

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Livraria Virtual Ararinha Azul Livraria Virtual Ararinha Azul SP - Cunha
99% Positivas
92 qualificações
R$ 9,60 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, 373 páginas - A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de caso especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração.

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Livraria Virtual Ararinha Azul Livraria Virtual Ararinha Azul SP - Cunha
99% Positivas
92 qualificações
R$ 9,60 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, 373 páginas - A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de caso especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração.

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Sebo Aceroni Sebo Aceroni SP - São Paulo
99% Positivas
379 qualificações
R$ 10,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Ótimo estado, novo. Com carimbo. xx A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia.

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Sebo Alternativa Pinheiros Sebo Alternativa Pinheiros SP - São Paulo
99% Positivas
142 qualificações
R$ 10,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura. livro em bom estado de conservação. Bordas com leves manchas.

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Stock Cultural Stock Cultural SP - São Paulo
99% Positivas
142 qualificações
R$ 10,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em bom estado.contos. - 20165656

a trombeta envergonhada Capa ilustrativa

a trombeta envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Livraria e Sebo Opção II Livraria e Sebo Opção II MG - Belo Horizonte
98% Positivas
120 qualificações
R$ 10,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro em bom estado de conservação, capa brochura 373pags.#279

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Whisner Mamede Whisner Mamede SP - São Paulo
100% Positivas
28 qualificações
R$ 15,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em ótimo estado, sem rasuras, sublinhados ou anotações.

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Julian Livros Julian Livros SP - São Paulo
99% Positivas
1543 qualificações
R$ 15,00 + R$ 10,95 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Código: 1022426 Nota: A presente obra encontra-se em bom estado de conservação, contém, apenas, algumas manchas amareladas causadas pelo tempo. Ano: 2007 Nº de páginas: 373 Formato: 14 x 21 Editora: Globo Conservação da capa: Bom Estado Conservação do miolo: Bom Estado Acabamento: Brochura Idioma: Português

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Julian Livros Julian Livros SP - São Paulo
99% Positivas
1543 qualificações
R$ 15,00 + R$ 10,58 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Código: 1216215 Nota: A presente obra encontra-se em bom estado de conservação, contém, apenas, algumas manchas amareladas causadas pelo tempo. Ano: 2007 Nº de páginas: 373 Formato: 14 x 21 Editora: Globo Conservação da capa: Bom Estado Conservação do miolo: Bom Estado Acabamento: Brochura Idioma: Português

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Sebo Lider II Sebo Lider II PR - Curitiba
100% Positivas
347 qualificações
R$ 15,00 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura, excelente estado de conservação, sem uso, manuseio de loja, com 374 Páginas TIPO: USADO CÓDIGO DE BARRAS: 1000210681272

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Sebo Lider II Sebo Lider II PR - Curitiba
100% Positivas
347 qualificações
R$ 15,00 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura, excelente estado de conservação, sem uso, manuseio de loja, com 374 Páginas TIPO: USADO CÓDIGO DE BARRAS: 1000210681302

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Jeito de Ler Jeito de Ler SP - São Paulo
98% Positivas
176 qualificações
R$ 16,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Nunca foi manuseado A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de caso especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração.

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Sebo Memória Sebo Memória SP - São Paulo
99% Positivas
189 qualificações
R$ 17,00 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em muito bom estado de conservação.

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Sebo Saber Osasco Sebo Saber Osasco SP - Osasco
98% Positivas
169 qualificações
R$ 18,00 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em ótimo estado de conservação;373 pág.

A Trombeta Envergonhada

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Livraria Pergaminho Livraria Pergaminho SP - Campinas
100% Positivas
71 qualificações
R$ 18,50 + R$ 10,10 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro nunca manuseado, capa levemente desgastada e amarelada devido exposição na estante. A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de caso especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou

A Trombeta Envergonhada  -  (novo/lacrado)

A Trombeta Envergonhada - (novo/lacrado)

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Via Leitura Via Leitura SP - Santos
100% Positivas
90 qualificações
R$ 19,99 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição NOVO/Lacrado, direto da Editora. Brochura A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de caso especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração

A Trombeta Envergonhada  -  (novo/lacrado)

A Trombeta Envergonhada - (novo/lacrado)

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Via Leitura Via Leitura SP - Santos
100% Positivas
90 qualificações
R$ 19,99 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição NOVO/Lacrado, direto da Editora. Brochura A trombeta envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. As histórias normalmente se passam no interior de pequenas comunidades judaicas, às vezes uma família, outras um bairro ou uma cidadezinha. Feriados, rituais religiosos e costumes judaicos, descritos com precisão pelo autor, misturam-se a tramas de desterro, opressão econômica e violência em textos cheios de ironia. Como é tradicional na cultura judaica, os contos de Bialik simulam uma espécie de ambiente oral, em que uma pessoa conta um tipo de caso especial para outra, ou para um grupo de ouvintes, que tirará da narrativa algum tipo de moral ou conselho, ou ao menos terá algum tempo de distração

A Trombeta  Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

A Casa das Letras A Casa das Letras RJ - Rio de Janeiro
95% Positivas
104 qualificações
R$ 20,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Excelente estado cod-71

Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Livraria Aurora Livraria Aurora RS - Porto Alegre
94% Positivas
102 qualificações
R$ 22,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em ótimo estado de conservação

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Bibliomania Livros Bibliomania Livros SP - Vargem Grande Paulista
95% Positivas
39 qualificações
R$ 25,00 + R$ 9,63 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição 9788525042248/ 376 pág. Em excelente estado. A Trombeta Envergonhada reúne seis contos de tamanhos diferentes de Haim Nahman Bialik, um dos mais tradicionais poetas e narradores de língua hebraica. Ainda que tenha entrado para a história por causa de sua poesia, Bialik é também um exímio narrador. A

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: seminovo/usado

Ponto dos Livros Ponto dos Livros RS - Porto Alegre
97% Positivas
94 qualificações
R$ 25,00 Frete grátis Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em otimo estado. Narrativas reunidas que retomam lendas talmudicas e fontes biblicas para localizar comunidades judaicas do Leste Europeu. 372 paginas.

A Trombeta Envergonhada Capa ilustrativa

A Trombeta Envergonhada

Ano:   Editora: Globo

Tipo: novo

Local da Cultura Local da Cultura RJ - Rio de Janeiro
100% Positivas
136 qualificações
R$ 25,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro sem uso, em excelente estado.

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro