A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Sejamos Todos Feministas Capa ilustrativa

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

Sejamos Todos Feministas

82 livros novos em 19 vendedores

Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
95% Positivas
2251 qualificações
R$ 13,98 + frete R$ 6,05

Total: R$ 20,03

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. 'Não era um elogio. 'Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!'.' Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são 'antiafricanas' e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma 'feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens'. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
95% Positivas
2251 qualificações
R$ 13,98 + frete R$ 6,05

Total: R$ 20,03

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. 'Não era um elogio. 'Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!'.' Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são 'antiafricanas' e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma 'feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens'. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
95% Positivas
2251 qualificações
R$ 13,98 + frete R$ 6,05

Total: R$ 20,03

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. 'Não era um elogio. 'Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!'.' Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são 'antiafricanas' e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma 'feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens'. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
95% Positivas
2251 qualificações
R$ 13,98 + frete R$ 6,05

Total: R$ 20,03

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. 'Não era um elogio. 'Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!'.' Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são 'antiafricanas' e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma 'feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens'. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

B2C2 Livros B2C2 Livros SP - São Paulo
95% Positivas
2251 qualificações
R$ 13,98 + frete R$ 6,05

Total: R$ 20,03

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. 'Não era um elogio. 'Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!'.' Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são 'antiafricanas' e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma 'feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens'. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
472 qualificações
R$ 15,52 + frete R$ 8,53

Total: R$ 24,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo! SKU: L99124585 ISBN: 9788535925470 SINOPSE: O que significa ser feminista no seculo XXI? Por que o feminismo e essencial para libertar homens e mulheres?

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
472 qualificações
R$ 15,52 + frete R$ 8,53

Total: R$ 24,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, ISBN: 9788535925470 SINOPSE: O que significa ser feminista no seculo XXI? Por que o feminismo e essencial para libertar homens e mulheres?

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
472 qualificações
R$ 15,52 + frete R$ 8,53

Total: R$ 24,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, ISBN: 9788535925470 SINOPSE: O que significa ser feminista no seculo XXI? Por que o feminismo e essencial para libertar homens e mulheres?

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
472 qualificações
R$ 15,52 + frete R$ 8,53

Total: R$ 24,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, ISBN: 9788535925470 SINOPSE: O que significa ser feminista no seculo XXI? Por que o feminismo e essencial para libertar homens e mulheres?

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
472 qualificações
R$ 15,52 + frete R$ 8,53

Total: R$ 24,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, ISBN: 9788535925470 SINOPSE: O que significa ser feminista no seculo XXI? Por que o feminismo e essencial para libertar homens e mulheres?

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: novo

Livraria Livros e Livros Livraria Livros e Livros SC - Florianópolis
99% Positivas
472 qualificações
R$ 15,52 + frete R$ 8,53

Total: R$ 24,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro Novo, ISBN: 9788535925470 SINOPSE: O que significa ser feminista no seculo XXI? Por que o feminismo e essencial para libertar homens e mulheres?

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia Companhia das Letras

Tipo: novo

Cliquebooks Cliquebooks SP - São Paulo
99% Positivas
380 qualificações
R$ 16,92 + frete R$ 8,05

Total: R$ 24,97

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. “Não era um elogio. ‘Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Vocêapoia o terrorismo!’.” Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e – em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são “antiafricanas” e que odeiam homens e maquiagem – começou a se intitular uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia Companhia das Letras

Tipo: novo

Cliquebooks Cliquebooks SP - São Paulo
99% Positivas
380 qualificações
R$ 16,92 + frete R$ 8,05

Total: R$ 24,97

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. “Não era um elogio. ‘Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Vocêapoia o terrorismo!’.” Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e – em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são “antiafricanas” e que odeiam homens e maquiagem – começou a se intitular uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Cia Companhia das Letras

Tipo: novo

Cliquebooks Cliquebooks SP - São Paulo
99% Positivas
380 qualificações
R$ 16,92 + frete R$ 8,05

Total: R$ 24,97

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. “Não era um elogio. ‘Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Vocêapoia o terrorismo!’.” Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e – em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são “antiafricanas” e que odeiam homens e maquiagem – começou a se intitular uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”. Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
583 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 5,53

Total: R$ 25,43

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. "Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!". Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são "antiafricanas" e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma "feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens". Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
583 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 5,53

Total: R$ 25,43

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. "Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!". Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são "antiafricanas" e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma "feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens". Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
583 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 5,53

Total: R$ 25,43

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. "Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!". Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são "antiafricanas" e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma "feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens". Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
583 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 5,53

Total: R$ 25,43

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. "Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!". Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são "antiafricanas" e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma "feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens". Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS Capa ilustrativa

SEJAMOS TODOS FEMINISTAS

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Livraria Martins Fontes Paulista Livraria Martins Fontes Paulista SP - São Paulo
99% Positivas
583 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 5,53

Total: R$ 25,43

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. "Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!". Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são "antiafricanas" e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma "feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens". Neste ensaio preciso e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para mostrar que muito ainda precisa ser feito até que alcancemos a igualdade de gênero. Segundo ela, tal igualdade diz respeito a todos, homens e mulheres, pois será libertadora para todos: meninas poderão assumir sua identidade, ignorando a expectativa alheia, mas também os meninos poderão crescer livres, sem ter que se enquadrar em estereótipos de masculinidade.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Miguilim Livros Miguilim Livros SP - Diadema
99% Positivas
236 qualificações
R$ 19,80 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,85

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. 64pp.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Miguilim Livros Miguilim Livros SP - Diadema
99% Positivas
236 qualificações
R$ 19,80 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,85

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. 64pp.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

O Leitor Livraria O Leitor Livraria SP - São Caetano do Sul
99% Positivas
112 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,95

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cód. 362664 Livro novo, capa brochura, livro de bolso, 63pp. Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: Você apoia o terrorismo!. Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e - em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são antiafricanas e que odeiam homens e maquiagem - começou a se intitular uma feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens.

Sejamos Todos Feministas Capa ilustrativa

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Capricho I Sebo Capricho I PR - Londrina
99% Positivas
439 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,95

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ** Pocket. A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo. Um mundo de homens mais felizes e mulheres mais felizes, mais autênticos consigo mesmos. E é assim que devemos começar: precisamos criar nossas filhas de uma maneira diferente. Também precisamos criar nossos filhos de uma maneira diferente.

Sejamos Todos Feministas Capa ilustrativa

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Capricho I Sebo Capricho I PR - Londrina
99% Positivas
439 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,95

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ** Pocket. A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo. Um mundo de homens mais felizes e mulheres mais felizes, mais autênticos consigo mesmos. E é assim que devemos começar: precisamos criar nossas filhas de uma maneira diferente. Também precisamos criar nossos filhos de uma maneira diferente.

Sejamos Todos Feministas Capa ilustrativa

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Capricho I Sebo Capricho I PR - Londrina
99% Positivas
439 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,95

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ** Pocket. A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo. Um mundo de homens mais felizes e mulheres mais felizes, mais autênticos consigo mesmos. E é assim que devemos começar: precisamos criar nossas filhas de uma maneira diferente. Também precisamos criar nossos filhos de uma maneira diferente.

Sejamos Todos Feministas Capa ilustrativa

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Capricho I Sebo Capricho I PR - Londrina
99% Positivas
439 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,95

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ** Pocket. A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo. Um mundo de homens mais felizes e mulheres mais felizes, mais autênticos consigo mesmos. E é assim que devemos começar: precisamos criar nossas filhas de uma maneira diferente. Também precisamos criar nossos filhos de uma maneira diferente.

Sejamos Todos Feministas Capa ilustrativa

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Capricho I Sebo Capricho I PR - Londrina
99% Positivas
439 qualificações
R$ 19,90 + frete R$ 6,05

Total: R$ 25,95

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo ** Pocket. A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo. Um mundo de homens mais felizes e mulheres mais felizes, mais autênticos consigo mesmos. E é assim que devemos começar: precisamos criar nossas filhas de uma maneira diferente. Também precisamos criar nossos filhos de uma maneira diferente.

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Continental Sebo Continental SP - São Paulo
99% Positivas
85 qualificações
R$ 20,00 + frete R$ 6,05

Total: R$ 26,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura formato pocket novo. A autora lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. Não era um elogio. Percebeu pelo tom da voz dele; era como se dissesse - Você apoia o terrorismo! . Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e começou a se intitular uma feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens. Sejamos todos feministas é uma adaptação do discurso feito pela autora. - 20161873

Sejamos Todos Feministas

Sejamos Todos Feministas

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Continental Sebo Continental SP - São Paulo
99% Positivas
85 qualificações
R$ 20,00 + frete R$ 6,05

Total: R$ 26,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura formato pocket novo. A autora lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. Não era um elogio. Percebeu pelo tom da voz dele; era como se dissesse - Você apoia o terrorismo! . Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e começou a se intitular uma feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens. Sejamos todos feministas é uma adaptação do discurso feito pela autora. - 20161874

Sejamos Todos Feministas - Pocket

Sejamos Todos Feministas - Pocket

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Sebo Continental Sebo Continental SP - São Paulo
99% Positivas
85 qualificações
R$ 20,00 + frete R$ 6,05

Total: R$ 26,05

Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura formato pocket novo. A autora lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. Não era um elogio. Percebeu pelo tom da voz dele; era como se dissesse - Você apoia o terrorismo! . Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e começou a se intitular uma feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens. Sejamos todos feministas é uma adaptação do discurso feito pela autora. - 20161875

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro