A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa

Confira todos os livros de Jorge Amado na Estante Virtual.

Amigo pessoal de Graciliano Ramos e Rubem Braga, o escritor baiano Jorge Amado tornou-se um dos mais famosos e traduzidos escritores brasileiros de todos os tempos, além de um dos autores mais adaptados para o cinema e a televisão. Sua obra tratou de diversos temas sociais, além de explorar características nacionais como o folclore, as crenças e a sensualidade do povo brasileiro. Jorge Amado ganhou diversos prêmios por sua obra, dentre eles o importante Prêmio Camões.

Romances

Contos e crônicas

Infanto-juvenil

Biografias

Vídeos sobre o autor

Neste vídeo da Fundação Casa de Jorge Amado, Zélia Gattai, esposa do autor, fala sobre o escritor, o que achava dele antes de se conhecerem e o primeiro encontro dos dois.

Em outro vídeo da Fundação Casa de Jorge Amado, o escritor fala sobre o Pelourinho, centro histórico de Salvador na Bahia, contando um pouco sobre a história do local.

No programa "De Lá pra Cá", da TV Brasil, Ancelmo Gois e Vera Barroso falam sobre a vida e a obra de Jorge Amado. Com participação de Bruno Barreto e Myriam Fraga.

Para ler Jorge Amado

  • Jorge Amado é considerado um dos representantes do regionalismo brasileiro;
  • Grande parte da sua obra adquire um tom documental ao abordar os problemas e o cotidiano das classes menos favorecidas de Salvador;
  • Jorge Amado apresenta em sua narrativa uma linguagem coloquial e simples (rica em elementos populares e folclóricos) que conquistou o grande público;
  • Para o crítico literário Alfredo Bosi, membro da Academia Brasileira de Letras, a obra literária de Amado pode ser dividida em 4 fases:
  • 1) Romance proletário: na qual o autor faz os primeiros relatos da vida rural baiana, sendo as principais obras "Cacau" e "Suor";
  • 2) Lirismo engajado: traz depoimentos líricos e sentimentais espalhados entre rixas e amores marinheiros. Fazem parte dessa fase obras como "Jubiabá", "Mar Morto" e "Capitães da Areia";
  • 3) Região do Cacau: retrata grandes cenas da região do cacau, como as lutas entre coronéis e exportadores. Principais obras: "Terras do Sem-Fim" e "São Jorge dos Ilhéus";
  • 4) Fase desengajada: na qual o autor deixa de lado o seu engajamento esquerdista e trata de assuntos considerados mais "saborosos" e relações "apimentadas", como em "Gabriela, cravo e canela" e "Dona Flor e seus dois maridos".

Jorge Amado por outros

Preciosidades

Raridades

Curiosidades

Jorge Amado

* Jorge Amado foi alfabetizado por sua mãe, D. Eulália Leal. Cursou a faculdade de Direito e trabalhou como repórter nos jornais "Diário da Bahia" e "O Imparcial".

* Jorge Amado fez parte do grupo "Academia dos Rebeldes" que pregava a criação de uma literatura moderna que valorizasse a cultura popular local, como a cultura africana e afro-baiana.

* Ao ter acesso aos originais de "Caetés", Amado viajou até Maceió para conhecer Graciliano Ramos, dando início à amizade que perdurou até o falecimento deste.

* Quando trabalhava na Editora José Olympio, Jorge Amado foi um grande influenciador na publicação da obra "O conde e o passarinho", primeiro livro de Rubem Braga.

* Em 1936 foi preso acusado de participar da Intentona Comunista. Após o golpe de Vargas, seus livros foram considerados subversivos e queimados no centro de Salvador.

* Em 1960, atuando como vice-presidente da União Brasileira de Escritores, promoveu o Festival do Escritor Brasileiro no Rio de Janeiro. A data (25 de julho) posteriormente foi consagrada: "Dia do Escritor".

* Por unanimidade foi eleito em 1961 para a cadeira 23 da Academia Brasileira de Letras, mas recusou o convide de Juscelino Kubitschek para ser embaixador do Brasil e também sua candidatura ao Prêmio Nobel de Literatura em 1967.

Frases

  • "A liberdade é como o sol. É o bem maior do mundo." (Capitães de Areia)
  • "Mesmo não sabendo que era amor, sentiam que era bom." (Capitães de Areia)
  • "Neste momento de música eles sentiram-se donos da cidade. E amaram-se uns aos outros, se sentiram irmãos porque eram todos eles sem carinho e sem conforto e agora tinham o carinho e conforto da música." (Capitães de Areia)
  • "O importante é tentar, mesmo o impossível." (Os Velhos Marinheiros)
  • "O apito do navio era como um lamento e cortou o crepúsculo que cobria a cidade."  (Terras do Sem Fim)
  • "O amor eterno não existe. Mesmo a mais forte paixão tem seu tempo de vida. Chega seu dia, se acaba, nasce outro amor. Por isso mesmo o amor é eterno, porque se renova. Terminam as paixões, o amor permanece." (Gabriela, Cravo e Canela)
  • "Para que explicar? Nada desejo explicar. Explicar é limitar. É impossível limitar Gabriela, dissecar sua alma." (Gabriela, Cravo e Canela)