A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Tristeza do Samurai Capa ilustrativa

A Tristeza do Samurai

Víctor del Árbol

Neste premiado romance de Victor del Árbol, duas histórias paralelas - uma situada em 1981 e outra quarenta anos antes - vão se encaixando conforme o leitor reúne as peças de um quebra-cabeça de violência e crimes nunca esclarecidos A advogada María Bengoechea se tornou conhecida por ter colocado detrás das grades o inspetor César Alcalá, num ruidoso caso ocorrido em Barcelona nos anos 1970. O escândalo, que ela considerava completamente resolvido, ressurge quase dez anos depois, quando María descobre que outros nomes estavam envolvidos - o de um político com passado sombrio, mas também o de seu próprio marido, um homem machista e violento, e até mesmo o de seu pai, um ermitão que se especializou em forjar espadas. Enquanto María investiga um rastro de sangue e silêncios, torna-se clara a relação com uma tentativa de assassinato de Guillermo Mola, um falangista, ocorrida quarenta anos antes, armado em parte pela sua esposa, Isabel. Pouco a pouco, torna-se claro como a vida destas duas mulheres fortes e corajosas estão interligadas. Ao reconstruir a Espanha da época do regime totalitário de Franco, e também do período da redemocratização, Victor del Árbol mostra como a linha de pensamento autoritária ainda persistia nas atitudes de muitos espanhóis no poder. A tristeza do samurai é, ao mesmo tempo, um romance policial cheio de reviravoltas e uma reflexão histórica sobre como as ações do passado repercutem no presente. Fechar Ler mais

Neste premiado romance de Victor del Árbol, duas histórias paralelas - uma situada em 1981 e outra quarenta anos antes - vão se encaixando conforme o leitor reúne as peças de um quebra-cabeça de violência e crimes nunca esclarecidos A advogada María Bengoechea se tornou conhecida por ter colocado detrás das grades o inspetor César Alcalá, num ruidoso caso ocorrido em Barcelona nos anos 1970. O escândalo, que ela considerava completamente resolvido, ressurge quase dez anos depois, quando María descobre que outros nomes estavam envolvidos - o de um político com passado sombrio, mas também o de seu próprio marido, um homem machista e violento, e até mesmo o de seu pai, um ermitão que se especializou em forjar espadas. Enquanto María investiga um rastro de sangue e silêncios, torna-se clara a relação com uma tentativa de assassinato de Guillermo Mola, um falangista, ocorrida quarenta anos antes, armado em parte pela sua esposa, Isabel. Pouco a pouco, torna-se claro como a vida destas duas mulheres fortes e corajosas estão interligadas. Ao reconstruir a Espanha da época do regime totalitário de Franco, e também do período da redemocratização, Victor del Árbol mostra como a linha de pensamento autoritária ainda persistia nas atitudes de muitos espanhóis no poder. A tristeza do samurai é, ao mesmo tempo, um romance policial cheio de reviravoltas e uma reflexão histórica sobre como as ações do passado repercutem no presente. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A Tristeza do Samurai

Capa ilustrativa

A Tristeza do Samurai

Capa ilustrativa
Exibindo todas as publicações encontradas. Filtre pelas mais recentesRemover filtro
A Tristeza do Samurai Capa ilustrativa

A Tristeza do Samurai

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Merca Livros Merca Livros SP - Guarulhos
99% Positivas
618 qualificações
R$ 15,00 + R$ 10,10 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição cód(15817), livro em bom estado de conservação, sem grifos e rasuras, marcas de manuseios na capa, contem 451 paginas, tamanho 14x21cm, A advogada María Bengoechea se tornou conhecida por ter colocado detrás das grades o inspetor César Alcalá, num ruidoso caso ocorrido em Barcelona nos anos 1970. O escândalo, que ela considerava completamente resolvido, ressurge quase dez anos depois, quando María descobre que outros nomes estavam envolvidos - o de um político com passado sombrio, mas também o de seu próprio marido, um homem machista e violento, e até mesmo o de seu pai, um ermitão que se especializou em forjar espadas.

A Tristeza do Samurai

A Tristeza do Samurai

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Merca Livros Merca Livros SP - Guarulhos
99% Positivas
618 qualificações
R$ 18,00 + R$ 10,10 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição (CÓD.10527) livro em ótimo estado, brochura 451 pág, livre de rasuras e grifos. A advogada María Bengoechea se tornou conhecida por ter colocado detrás das grades o inspetor César Alcalá, num ruidoso caso ocorrido em Barcelona nos anos 1970. O escândalo, que ela considerava completamente resolvido, ressurge quase dez anos depois, quando María descobre que outros nomes estavam envolvidos - o de um político com passado sombrio, mas também o de seu próprio marido, um homem machista e violento, e até mesmo o de seu pai, um ermitão que se especializou em forjar espadas. Enquanto María investiga um rastro de sangue e silêncios, torna-se clara a relação com uma tentativa de assassinato de Guillermo Mola, um falangista, ocorrida quarenta anos antes, armado em parte pela sua esposa, Isabel.

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro