A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Nathan Englander

Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana: nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, enxergam o mundo gentio com desconfiança e algum temor, permanecem fiéis ao Estado de Israel. Há muita paranoia nessas histórias: teme-se um novo Holocausto, há a desconfiança de que o velho frequentador do acampamento de férias possa na verdade ter sido um algoz nazista, subsiste o temor de um aniquilamento global a partir da destruição de Israel. Temas pesados, mas que na mão leve e inteligente do autor tornam-se enredos de algumas das mais deliciosas histórias da prosa contemporânea. Tudo com um humor anárquico e uma leveza típica dos filmes de Woody Allen. E vai além, pois Englander é um desses prodigiosos contadores de histórias. Isso tudo já é bastante explícito no conto que empresta o título ao volume. O leitor perceberá que se trata de uma paródia de uma famosa narrativa de Raymond Carver. Mas o sentido irônico do pastiche de Englander não fica apenas no título. À maneira das secas histórias de Carver, aqui o ritual do encontro etílico entre amigos de classe média é transformado num cômico embate de ideias e crenças. NATHAN ENGLANDER nasceu em Long Island, Nova York, em 1970. Estreou em 2000 com os contos de Para alívio dos impulsos insuportáveis, obra que recebeu o pen/Faulkner Malamud Award. Publicou o romance O ministério dos casos especiais, ambientado na Argentina. É professor de redação criativa em duas universidades norte-americanas. Fechar Ler mais

Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana: nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, enxergam o mundo gentio com desconfiança e algum temor, permanecem fiéis ao Estado de Israel. Há muita paranoia nessas histórias: teme-se um novo Holocausto, há a desconfiança de que o velho frequentador do acampamento de férias possa na verdade ter sido um algoz nazista, subsiste o temor de um aniquilamento global a partir da destruição de Israel. Temas pesados, mas que na mão leve e inteligente do autor tornam-se enredos de algumas das mais deliciosas histórias da prosa contemporânea. Tudo com um humor anárquico e uma leveza típica dos filmes de Woody Allen. E vai além, pois Englander é um desses prodigiosos contadores de histórias. Isso tudo já é bastante explícito no conto que empresta o título ao volume. O leitor perceberá que se trata de uma paródia de uma famosa narrativa de Raymond Carver. Mas o sentido irônico do pastiche de Englander não fica apenas no título. À maneira das secas histórias de Carver, aqui o ritual do encontro etílico entre amigos de classe média é transformado num cômico embate de ideias e crenças. NATHAN ENGLANDER nasceu em Long Island, Nova York, em 1970. Estreou em 2000 com os contos de Para alívio dos impulsos insuportáveis, obra que recebeu o pen/Faulkner Malamud Award. Publicou o romance O ministério dos casos especiais, ambientado na Argentina. É professor de redação criativa em duas universidades norte-americanas. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Capa ilustrativa
Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Literatus Livros Literatus Livros SP - São Paulo
100% Positivas
14 qualificações
R$ 9,08 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo; Lacrado; Brochura; 21 x 14 cm.; 208 pp.; Sinopse: "Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, (...)"

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Literatus Livros Literatus Livros SP - São Paulo
100% Positivas
14 qualificações
R$ 9,08 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo; Lacrado; Brochura; 21 x 14 cm.; 208 pp.; Sinopse: "Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, (...)"

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Literatus Livros Literatus Livros SP - São Paulo
100% Positivas
14 qualificações
R$ 9,08 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo; Lacrado; Brochura; 21 x 14 cm.; 208 pp.; Sinopse: "Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, (...)"

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Literatus Livros Literatus Livros SP - São Paulo
100% Positivas
14 qualificações
R$ 9,08 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo; Lacrado; Brochura; 21 x 14 cm.; 208 pp.; Sinopse: "Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, (...)"

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Literatus Livros Literatus Livros SP - São Paulo
100% Positivas
14 qualificações
R$ 9,08 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo; Lacrado; Brochura; 21 x 14 cm.; 208 pp.; Sinopse: "Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, (...)"

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Moinho do Livro Moinho do Livro MG - Belo Horizonte
98% Positivas
410 qualificações
R$ 9,99 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Capa Brochura. Livro Novo, mas não lacrado. Em função disso, pode apresentar os naturais sinais do tempo de prateleira. 208 páginas. Lombada azul e cinza. Envio Imediato.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Saramago Sebo Saramago SP - São Paulo
98% Positivas
230 qualificações
R$ 10,40 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura. 14x21. 206 páginas. Livro em ótimo estado de conservação, sem grifos ou rasuras, não possui carimbos, miolo firme, capa intacta. (3881)

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Livro Rápido Livro Rápido SP - São Paulo
100% Positivas
949 qualificações
R$ 11,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição SF P914 Livro novo# Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, enxergam o mundo gentio co... - 20161925

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Livraria Assis2 Livraria Assis2 SP - São Paulo
100% Positivas
30 qualificações
R$ 11,90 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em ótimo estado, 1ª edição, formato 21 x 14 cm, sem danos grifos ou anotações. 208 pgs. Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - *** Todos os livros são higienizados *** Aceitamos depósito bancário ***

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Cia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Santa Fé Sebo Santa Fé SP - Carapicuíba
100% Positivas
232 qualificações
R$ 12,00 + R$ 6,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição bom estado de conservação, páginas e bordas levemente amareladas devido ao tempo, capa com amassos devido ao tempo e ao manuseio, com alguns grifos

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Ladeira Livros Ladeira Livros RS - Porto Alegre
98% Positivas
702 qualificações
R$ 15,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição brochura, bom estado, sem grifos, usado m. u

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Berinjela Berinjela RJ - Rio de Janeiro
98% Positivas
90 qualificações
R$ 17,50 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Exemplar em muito bom estado de conservação, carimbo da livraria da folha de rosto, 207 páginas. - 2016955

Do que a gente fala quando fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do que a gente fala quando fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Figura de Linguagem Sebo Figura de Linguagem GO - Goiânia
100% Positivas
121 qualificações
R$ 18,56 + R$ 11,37 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro usado em bom estado de conservaçãoSolicite fotos enviando-nos o seu endereço de e-mail.

Do Que a Gente Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Livraria Marechal Livraria Marechal SP - São Paulo
97% Positivas
178 qualificações
R$ 19,00 + R$ 10,58 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em ótimo estado de conservação, sem danificações, contém 207 páginas.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

SEBO RELEITURAS BOQUEIRÃO SEBO RELEITURAS BOQUEIRÃO PR - Curitiba
97% Positivas
38 qualificações
R$ 19,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cod. 72383 / Literatura Estrangeira / Brochura / L. Cz, azc . bom estado de conservação dim 14x20 cm / Leve marca de manuseio / Com leves vincos e ranhuras / Desgaste nas bordas / Leve desgaste na lombada. adry

Do Que a Gente Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Releituras Centro Sebo Releituras Centro PR - Curitiba
99% Positivas
204 qualificações
R$ 19,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cod. 142067 / Contos / Cronicas / Brochura / L. Cz / Az . bom estado de conservação, livre de rabiscos, rasgos, furos ou grifos, dim. 14x21 cm. Déya.

So Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

So Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Releituras Centro Sebo Releituras Centro PR - Curitiba
99% Positivas
204 qualificações
R$ 19,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cod. 160278 / Contos / Brochura / L. BR. bom estado de conservação, livre de rabiscos, rasgos, furos ou grifos, dim. 14x20 cm. me

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Mania de Cultura Franca Mania de Cultura Franca SP - Franca
100% Positivas
248 qualificações
R$ 20,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em perfeito estado de conservação. Sem rasuras, rabiscos, riscos, sublinhados, amassados ou avarias de qualquer tipo. 206 pgs.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank C. Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank C.

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Livraria Mar de Histórias Livraria Mar de Histórias RJ - Rio de Janeiro
98% Positivas
345 qualificações
R$ 20,00 + R$ 6,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição brochura em ótimo estado , quantidade de páginas 207

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Kapricho I Curitiba Sebo Kapricho I Curitiba PR - Curitiba
99% Positivas
438 qualificações
R$ 20,90 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Capa e lombada com alguns sinais de manuseio, paginas sem anotações. --- Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. DC: 22/06/15 - 15:52 COD:1000201564744

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank (promo)

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank (promo)

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Weblivrosvirtual Weblivrosvirtual SP - Taboão da Serra
93% Positivas
75 qualificações
R$ 22,00 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em perfeito estado nenhuma danificação ou rasura nesse produto ISBN: 9788535922363. Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana: nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, enxergam o

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Loplop Livros Loplop Livros SP - São Paulo
98% Positivas
246 qualificações
R$ 23,00 Frete grátis Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em bom estado de conservação! Sem grifos ou marcações. Brochura. Formato 21x14 cm. 208 pgs. Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus..

Do que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank Capa ilustrativa

Do que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Pacobello Sebo Pacobello Sebo SP - Santo André
98% Positivas
874 qualificações
R$ 23,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Ótimo estado de conservação. Não possui grifos nem anotações. Cód. Barras: 9788535922363 Assunto: Literatura Nacional Loja: Livraria Pacobello (Abilio Soares)

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Sebo Alternativa Sebo Alternativa SP - São Paulo
100% Positivas
78 qualificações
R$ 24,00 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição PL1- livro em bom estado de conservação.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Livraria Europa Livraria Europa RJ - Rio de Janeiro
96% Positivas
118 qualificações
R$ 24,90 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição ★★★ Bom Estado .......................................................................................................................... Apresenta boa aparência, alinhado, integro e sem avarias. Paginas limpas e livre de marcações ou anotações. Miolo, dorso e lombada firmes. Corte e folha guarda discretamente empoeirados. (Q1.SO) .............................................................................................................................. Obs: Nosso exame obedece critérios subjetivos e temporais, portanto estão sujeitos a alteração de percepção realizada pelo cliente. ...................................Contato...21.9.8184.0800..................................................

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Elizart Livros Elizart Livros RJ - Rio de Janeiro
99% Positivas
198 qualificações
R$ 25,00 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura, 208 páginas, Bom Estado (sem grifos, rasuras, etc).

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Mania de Cultura Franca Mania de Cultura Franca SP - Franca
100% Positivas
248 qualificações
R$ 25,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em perfeito estado de conservação. Sem rasuras, rabiscos, riscos, sublinhados, amassados ou avarias de qualquer tipo. 206 pgs.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Mania de Cultura Franca Mania de Cultura Franca SP - Franca
100% Positivas
248 qualificações
R$ 25,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro em perfeito estado de conservação. Sem rasuras, rabiscos, riscos, sublinhados, amassados ou avarias de qualquer tipo. 206 pgs.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: novo

Biblos Alfarrabista Biblos Alfarrabista SP - São Paulo
100% Positivas
50 qualificações
R$ 27,00 Frete grátis Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, cortes levemente empoeirados da estante.

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Do Que a Gente Fala Quando Fala de Anne Frank

Ano:   Editora: Companhia das Letras

Tipo: seminovo/usado

Livraria Sebo Riachuelo Livraria Sebo Riachuelo SP - São Paulo
99% Positivas
235 qualificações
R$ 28,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura 208p.; Livro em ótimo estado.Os oito relatos reunidos neste livro renovam temática e estilisticamente o panorama da narrativa curta produzida nos Estados Unidos. Nascido em 1970, Nathan Englander parece pertencer a um novo capítulo da literatura produzida por autores de ascendência judaica daquele país. Diferentemente dos personagens de Saul Bellow e Philip Roth, que se faziam americanos a despeito das origens europeias ainda recentes, os tipos criados por Englander habitam outro momento da psique judaica norte-americana; nativos de terceira ou quarta geração já não se constrangem em retornar às origens - moram em bairros e condados exclusivamente habitados por judeus religiosos, relacionam-se apenas com outros judeus, enxergam o mundo gentio com desconfiança e algum temor,

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro