A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Charque Capa ilustrativa

Charque

Marcelo Mirisola

O escritor paulistano Marcelo Mirisola lança pela Barcarolla, Charque, o seu 12º livro. Munido de uma prosa mordaz o autor se funde com um eu que aponta os dedos inclementes para as fissuras no quadro da realidade brasileira. Dos descaminhos de sua vida aos personagens que se notabilizaram no imaginário nacional, o romance-biografia nos apresenta um bestiário rico e sarcástico deste lugar chamado Brasil. Com a intenção de “enfiar a ‘primeira pessoa’ no seu devido lugar”, Mirisola escava sua memória-imaginação de maneira a não permitir que fique alguma pedra sobre pedra. As memórias de Mirisola, ou melhor, do narrador, não admitem idealizações ou escapismos. Nos levam à beira do abismo onde, com tom de galhofa, ele aponta para si mesmo sem esconder o riso. Dos dias ensolarados no Clube Pinheiros, ao zoológico que passou a ser a escola primária, a leitura nos revela um narrador que não se furta ao ato dócil de revirar o lixo. Passado e presente se misturam num fluxo em que o confessional e o escárnio se fundem: “Confesso que é difícil não me gabar: mas sempre fiz as escolhas adequadas. Tanto fazia se errava ou acertava o alvo. Sempre foi assim. Até hoje é assim”, diz o autor. Fechar Ler mais

O escritor paulistano Marcelo Mirisola lança pela Barcarolla, Charque, o seu 12º livro. Munido de uma prosa mordaz o autor se funde com um eu que aponta os dedos inclementes para as fissuras no quadro da realidade brasileira. Dos descaminhos de sua vida aos personagens que se notabilizaram no imaginário nacional, o romance-biografia nos apresenta um bestiário rico e sarcástico deste lugar chamado Brasil. Com a intenção de “enfiar a ‘primeira pessoa’ no seu devido lugar”, Mirisola escava sua memória-imaginação de maneira a não permitir que fique alguma pedra sobre pedra. As memórias de Mirisola, ou melhor, do narrador, não admitem idealizações ou escapismos. Nos levam à beira do abismo onde, com tom de galhofa, ele aponta para si mesmo sem esconder o riso. Dos dias ensolarados no Clube Pinheiros, ao zoológico que passou a ser a escola primária, a leitura nos revela um narrador que não se furta ao ato dócil de revirar o lixo. Passado e presente se misturam num fluxo em que o confessional e o escárnio se fundem: “Confesso que é difícil não me gabar: mas sempre fiz as escolhas adequadas. Tanto fazia se errava ou acertava o alvo. Sempre foi assim. Até hoje é assim”, diz o autor. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

Charque

Capa ilustrativa

Charque

Capa ilustrativa
Charque Capa ilustrativa

Charque

Ano:   Editora: Barcarolla

Tipo: seminovo/usado

Kamila Livros Novos e Usados Kamila Livros Novos e Usados DF - Guará
96% Positivas
249 qualificações
R$ 9,64 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Em perfeito estado de conservação

Charque

Charque

Ano:   Editora: Barcarolla

Tipo: novo

Sebo do Bac Sebo do Bac SP - São Paulo
100% Positivas
195 qualificações
R$ 26,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição  Livro novo. Percorrer as linhas de Charque é confrontar-se com um mundo que, longe de perfeito, nos mostra suas rachaduras e rugas. O narrador não se cala, não omite nada e nos desfralda a bandeira da mentira e da candura. Embora armado até os dentes, o galhofeiro não nos deixa esquecer de sua rigidez melancólica e ressentida diante de uma série de mecanismos que nos permitiriam a salvação: estamos condenados, não podemos escapar de sua prosa de acidez e doçura inimitáveis. Esse amontoado de carne, esse charque, nos vai sendo exposto camada por camada, linha por linha, sem nenhum medo ou outro tipo de exibicionismo; O que temos é Marcelo Mirisola em seu melhor estilo, confundindo numa só tacada os limites da ficção e da biografia, da verdade e da mentira. Tudo regado por uma

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro