A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
Melhores Poemas Capa ilustrativa

Melhores Poemas

José Paulo Paes

José Paulo Paes foi a antítese do poeta derramado. Irônico, por vezes de uma ironia perversa, indignado, angustiado, brincalhão, soube expressar, como poucos poetas, ironia, indignação, angústia e atitudes lúdicas em poemas breves, brevíssimos, plenos de humor, aproximando-se da síntese dos hai-kais. Nem sempre foi assim. A obra de miniaturista resulta de uma longa depuração. Em seus primeiros livros, o poeta revela gosto pelas formas poéticas mais longas, com uma leve queda pelo soneto. A preferência pela síntese se acentua nos Epigramas (1958), mas só se realiza plenamente em Anatomias (1967), livro em que "o epigrama e o ideograma se deram as mãos" (Augusto de Campos), por vezes em soluções jocosas, como Epitáfio para um Banqueiro ou Cronologia. Em Meia Palavra (1973), o poeta se torna ainda mais conciso, sintetizando grandes questões em poemas mínimos. Um exemplo, no qual o título é maior do que o poema encontra-se em O Vagido da Sociedade de Consumo, que se resume ao verso "consummatum est!". O processo se aguça em Resíduos (1980), em que a nota humorística não raras vezes se transforma em sarcasmo, como em Epitáfio para Rui: "...e tenho dito/ bravos!/ (mas o que foi mesmo que ele disse?)". A partir de A Poesia Está Morta mas Juro que não Fui eu (1988) e sobretudo nas Prosas Seguidas de Odes Mínimas (1992), por necessidade confessional, bastante discreta, o poeta cede à tentação dos poemas mais longos (aliás, menos curtos), mas nos quais palpita uma comoção, um quê de pungente, ignorado nos epigramas. O poeta se encaminha para a fase final de sua trajetória, angustiado pela vida vivida, inquieto ante a morte, preocupações expressas nos poemas levemente dramáticos das Socráticas, como Preparativos de Viagem, onde há este verso revelador: "Ele próprio se sente um pouco póstumo quando conversa com gente jovem". Fechar Ler mais

José Paulo Paes foi a antítese do poeta derramado. Irônico, por vezes de uma ironia perversa, indignado, angustiado, brincalhão, soube expressar, como poucos poetas, ironia, indignação, angústia e atitudes lúdicas em poemas breves, brevíssimos, plenos de humor, aproximando-se da síntese dos hai-kais. Nem sempre foi assim. A obra de miniaturista resulta de uma longa depuração. Em seus primeiros livros, o poeta revela gosto pelas formas poéticas mais longas, com uma leve queda pelo soneto. A preferência pela síntese se acentua nos Epigramas (1958), mas só se realiza plenamente em Anatomias (1967), livro em que "o epigrama e o ideograma se deram as mãos" (Augusto de Campos), por vezes em soluções jocosas, como Epitáfio para um Banqueiro ou Cronologia. Em Meia Palavra (1973), o poeta se torna ainda mais conciso, sintetizando grandes questões em poemas mínimos. Um exemplo, no qual o título é maior do que o poema encontra-se em O Vagido da Sociedade de Consumo, que se resume ao verso "consummatum est!". O processo se aguça em Resíduos (1980), em que a nota humorística não raras vezes se transforma em sarcasmo, como em Epitáfio para Rui: "...e tenho dito/ bravos!/ (mas o que foi mesmo que ele disse?)". A partir de A Poesia Está Morta mas Juro que não Fui eu (1988) e sobretudo nas Prosas Seguidas de Odes Mínimas (1992), por necessidade confessional, bastante discreta, o poeta cede à tentação dos poemas mais longos (aliás, menos curtos), mas nos quais palpita uma comoção, um quê de pungente, ignorado nos epigramas. O poeta se encaminha para a fase final de sua trajetória, angustiado pela vida vivida, inquieto ante a morte, preocupações expressas nos poemas levemente dramáticos das Socráticas, como Preparativos de Viagem, onde há este verso revelador: "Ele próprio se sente um pouco póstumo quando conversa com gente jovem". Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

MELHORES POEMAS DE JOSE PAULO PAES

MELHORES POEMAS DE JOSE PAULO PAES

MELHORES POEMAS DE JOSE PAULO PAES

MELHORES POEMAS DE JOSE PAULO PAES

Ano:   Editora: Global Editora

Tipo: seminovo/usado

Localivros Localivros MG - Contagem
99% Positivas
132 qualificações
R$ 7,40 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição ID:4 15-Codigo:6401-ISBN: 9788526006003, IDIOMA: PORTUGUES, ENCADERNAÇÃO: BROCHURA, ESTADO DE CONSERVAÇÃO: USADO, ENCAPADO, FOLHA DE ROSTO COM CARIMBO E FICHA COLADA, EDIÇÃO: 5ª ED, ANO: 2003, MEDIDA: 21CM, PAGINAS: 241.

MELHORES POEMAS DE JOSE PAULO PAES

MELHORES POEMAS DE JOSE PAULO PAES

Ano:   Editora: Global Editora

Tipo: seminovo/usado

Localivros Localivros MG - Contagem
99% Positivas
132 qualificações
R$ 10,00 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição ID:4 15-Codigo:6402-ISBN: 9788526006003, IDIOMA: PORTUGUES, ENCADERNAÇÃO: BROCHURA, ESTADO DE CONSERVAÇÃO: USADO, FOLHA DE ROSTO COM FICHA COLADA E CARIMBO, ENCAPADO, EDIÇÃO: 5ª ED, ANO: 2003, MEDIDA: 21CM, PAGINAS: 241.

Melhores Poemas

Melhores Poemas

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Livraria Freitas e Lins Livraria Freitas e Lins SP - Atibaia
89% Positivas
37 qualificações
R$ 12,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro brochura em otimo estado, sem dobras, escritas ou rasuras.

Melhores Poemas José Paulo Paes Seleção: Davi Arriguci Jr.

Melhores Poemas José Paulo Paes Seleção: Davi Arriguci Jr.

Ano:   Editora: Global

Tipo: novo

Raizes Livros Raizes Livros RJ - Niterói
98% Positivas
251 qualificações
R$ 12,90 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, em perfeito estado. Cadastrado em 19/06/2016

Melhores Poemas

Melhores Poemas

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Sebo Releituras Portão Sebo Releituras Portão PR - Curitiba
98% Positivas
242 qualificações
R$ 15,00 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cod. 162139 / Poesia / Brochura / L. Pt / Br . bom estado de conservação, nome do antigo dono a caneta na folha de rosto, páginas levemente amareladas e com manchas. livre de rabiscos, rasgos, furos ou grifos. dim 14 x 21 cm . al

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos, Os

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos, Os

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Livraria Jc Sebo Livraria Jc Sebo SP - Osasco
99% Positivas
136 qualificações
R$ 15,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Otimo estado - 20161825

Melhores Poemas - Augustos dos Anjos

Melhores Poemas - Augustos dos Anjos

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Sebo Versus Sebo Versus SP - São Paulo
98% Positivas
51 qualificações
R$ 16,00 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição 203pgs, bom estado, 4ª edição, capa com vincos devido ao manuseio, páginas e bordas amareladas pelo tempo, miolo em bom estado

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Sebo Ômega Sebo Ômega SP - Praia Grande
100% Positivas
25 qualificações
R$ 17,00 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro em muito bom estado

Melhores Poemas

Melhores Poemas

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Sebo Taqua Sebo Taqua SP - Taquaritinga
100% Positivas
6 qualificações
R$ 18,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Brochura, 241 páginas em ótimo estado de conservação. José Paulo Paes foi a antítese do poeta derramado. Irônico, por vezes de uma ironia perversa, indignado, angustiado, brincalhão, soube expressar, como poucos poetas, ironia, indignação, angústia e atitudes lúdicas em poemas breves, brevíssimos, plenos de humor, aproximando-se da síntese dos hai-kais.Nem sempre foi assim. A obra de miniaturista resulta de uma longa depuração. Em seus primeiros livros, o poeta revela gosto pelas formas poéticas mais longas, com uma leve queda pelo soneto.A preferência pela síntese se acentua nos Epigramas (1958), mas só se realiza plenamente em Anatomias (1967), livro em que "o epigrama e o ideograma se deram as mãos" (Augusto de Campos), por vezes em soluções jocosas, como Epitáfio para um Banqueiro

Melhores Poemas 19 - Melhores Poemas de Augusto dos Anjos

Melhores Poemas 19 - Melhores Poemas de Augusto dos Anjos

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Traça Livraria e Sebo Traça Livraria e Sebo RS - Porto Alegre
100% Positivas
1311 qualificações
R$ 18,90 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição ID 962132 Coleção Melhores poemas; 19 Encadernação: Brochura Estado de Conservação: Muito bom livro já lido. encadernação comum. editoração normal. papel comum. livro adquirido de particular. poucas marcas do tempo na capa. livro em ótimo estado

Melhores Poemas - Augusto dos Anjos

Melhores Poemas - Augusto dos Anjos

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Sebo Versus Sebo Versus SP - São Paulo
98% Positivas
51 qualificações
R$ 19,00 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição 203pgs, bom estado, 4ª edição, capa com vincos devido ao manuseio, páginas e bordas amareladas pelo tempo, miolo em bom estado

Melhores poemas de Jose Paulo Paes

Melhores poemas de Jose Paulo Paes

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Crisálida Livraria Crisálida Livraria MG - Belo Horizonte
98% Positivas
238 qualificações
R$ 19,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição brochura 232 pgs bom estado, sem anotações; antologia

Melhores Poemas

Melhores Poemas

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

A Savassi Livros A Savassi Livros MG - Belo Horizonte
99% Positivas
235 qualificações
R$ 20,00 + R$ 7,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro usado em muito bom estado , lombada clara sem riscos ou rasuras , não tem assinatura na primeira página !

Melhores Poemas

Melhores Poemas

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Catedral do Livro Catedral do Livro SP - São Paulo
99% Positivas
694 qualificações
R$ 23,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Cod. 50826 / Poesia / Brochura / Descrição: Obra sem sinais de uso / CL 241 pafs

Melhores Poemas de Jose Paulo Paes

Melhores Poemas de Jose Paulo Paes

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Livraria Jmaoski Livraria Jmaoski PR - Curitiba
100% Positivas
288 qualificações
R$ 24,00 + R$ 8,21 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição 246pgs., brochura em impecável conservação.

Melhores Poemas

Melhores Poemas

Ano:   Editora: Global

Tipo: seminovo/usado

Odysseus Libris Odysseus Libris MG - Belo Horizonte
98% Positivas
48 qualificações
R$ 25,00 + R$ 10,95 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro capa brochura em excelente estado de conservação. Capa sem desgastes ou sujidades, miolo íntegro, sem marcas, anotações ou quaisquer imperfeições, seminovo. _ Coleção Melhores Poemas - Direção de Edla Van Steen _ Seleção de Davi Arrigucci Jr. _ 5.ª Edição _ 246 pp _

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos, Os

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos, Os

Ano:   Editora: Global

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2458 qualificações
R$ 29,80 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Sinopse: A publicação do livro Eu, em 1912, causou estranheza e uma certa repugnncia entre os raros críticos que se dispuseram a ler o volume. Leitor do naturalista e fisiologista Darwin, o homem da teoria das espécies, e do biólogo Haeckel, teórico do transformismo, Augusto dos Anjos apresentava ao leitor, sem qualquer cerimônia, em versos contundentes e incômodos, por vezes irados, ideias, conceitos e o vocabulário específico das especialidades desses cientistas, ordenados sob a visão pessimista do filósofo Schopenhauer. Sem compreender muito bem o que lia, o leitor se deparava com termos como monera, citula, zoófito, e expressões insólitas. O mais chocante, porém, era o gosto do autor pelos aspectos repugnantes da vida, no plano físico e moral. Desde o prime

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos, Os

Melhores Poemas de Augusto dos Anjos, Os

Ano:   Editora: Global

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2458 qualificações
R$ 29,80 + R$ 7,68 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Sinopse: A publicação do livro Eu, em 1912, causou estranheza e uma certa repugnncia entre os raros críticos que se dispuseram a ler o volume. Leitor do naturalista e fisiologista Darwin, o homem da teoria das espécies, e do biólogo Haeckel, teórico do transformismo, Augusto dos Anjos apresentava ao leitor, sem qualquer cerimônia, em versos contundentes e incômodos, por vezes irados, ideias, conceitos e o vocabulário específico das especialidades desses cientistas, ordenados sob a visão pessimista do filósofo Schopenhauer. Sem compreender muito bem o que lia, o leitor se deparava com termos como monera, citula, zoófito, e expressões insólitas. O mais chocante, porém, era o gosto do autor pelos aspectos repugnantes da vida, no plano físico e moral. Desde o prime

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro