A Compra Garantida Estante Virtual é uma garantia de que você receberá a encomenda ou o reembolso do valor da sua compra. Saiba mais aqui.

  • 1.350 sebos e livreiros
  • Qualificações positivas dos livreiros
  • Maior acervo do mundo em língua portuguesa
filtros
A Nacao Em Todos os Seus Estados Capa ilustrativa

A Nação Em Todos os Seus Estados

Alain Dieckhoff

A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinâmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. Elas estão sobretudo ligadas ao desejo de reconhecimento de uma cultura específica, distinta da cultura de Estado. Para além disso, o autor procura ver como as sociedades modernas poderão responder ao desafio do pluralismo nacional. Nem o liberalismo nem o republicanismo nem o multiculturalismo estão à altura da tarefa. É necessário reformar profundamente o Estado-nação sem receio de o ver substituído no futuro pelo Estado democrático multinacional. De outro modo, é grande o risco de ver a tentação separatista intensificar-se e, com ela, o espectro da etnicização assombrar o mundo. Fechar Ler mais

A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinâmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. Elas estão sobretudo ligadas ao desejo de reconhecimento de uma cultura específica, distinta da cultura de Estado. Para além disso, o autor procura ver como as sociedades modernas poderão responder ao desafio do pluralismo nacional. Nem o liberalismo nem o republicanismo nem o multiculturalismo estão à altura da tarefa. É necessário reformar profundamente o Estado-nação sem receio de o ver substituído no futuro pelo Estado democrático multinacional. De outro modo, é grande o risco de ver a tentação separatista intensificar-se e, com ela, o espectro da etnicização assombrar o mundo. Fechar Ler mais

Estatísticas de venda deste livro

Último vendido Nos últimos 3 meses
Vendidos
Preço médio R$ " + data.stats.mean + "
Menor preço R$ " + data.stats.min + "
Maior preço R$ " + data.stats.max + "

Esta informação aparece apenas para usuários logados como livreiros.

A nação em todos os seus estados

A nação em todos os seus estados

A nação em todos os seus estados

A nação em todos os seus estados

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2553 qualificações
R$ 38,00 + R$ 8,74 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição livro novo!

A Nação em Todos os seus Estados

A Nação em Todos os seus Estados

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2553 qualificações
R$ 43,40 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, lacrado. Sinopse: A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. E

A Nação em Todos os seus Estados

A Nação em Todos os seus Estados

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2553 qualificações
R$ 43,40 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo, lacrado. Sinopse: A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. E

A Nação Em Todos os Seus Estados

A Nação Em Todos os Seus Estados

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2553 qualificações
R$ 49,60 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Sinopse: A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. Elas estão sobretudo ligadas ao desejo de reconhe

A Nação Em Todos os Seus Estados

A Nação Em Todos os Seus Estados

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2553 qualificações
R$ 49,60 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Sinopse: A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. Elas estão sobretudo ligadas ao desejo de reconhe

A Nação Em Todos os Seus Estados

A Nação Em Todos os Seus Estados

Ano:   Editora: Instituto Piaget

Tipo: novo

Flanarte Flanarte SP - São Paulo
99% Positivas
2553 qualificações
R$ 49,60 + R$ 9,26 de frete Comprar ler descrição ocultar

Descrição Livro novo. Sinopse: A questão nacional está de regresso. Com a desintegração da União Soviética, a guerra nos Balcãs, a reunificação da Alemanha e a escalada de correntes regionalistas na Escócia ou no País Basco, só se fala no despertar das nações. Seria um erro ver aí a erupção de um tribalismo primitivo, quando se trata de uma manifestação central da modernidade. Uma dupla perspectiva orienta a reflexão inovadora de Alain Dieckhoff. Em primeiro lugar, apreender os motivos ocultos das reivindicações identitárias que se exprimem do Quebeque à Catalunha, passando pela Flandres e pela Córsega. Longe de se resumirem a simples movimentos de humor, correspondem a dinmicas sociais cujas lógicas precisas será interessante entender. Elas estão sobretudo ligadas ao desejo de reconhe

Avaliações do livro

Ainda não há avaliações para este título, seja o primeiro a avaliar.

Avalie o livro